Foto: Marcelo Crivella

Na última sexta-feira, 22/05, o prefeito Marcelo Crivella mudou o protocolo de contagem de mortos por Covid-19. Agora, esses dados serão baseados nos sepultamentos de pessoas que morreram com a doença, apoiado em informações de cemitérios e cartórios. Antes, os levantamentos eram feitos com os hospitais.

De acordo com especialistas, o novo protocolo gera controvérsias e divergências, pois, muitas vezes, por falta de testes ou atrasos no resultado, a pessoa pode ser enterrada ainda sem a comprovação se teve ou não Covid-19, mesmo que tenha contraído o vírus de fato.

“A melhor forma de conter o avanço da doença e sabendo o número e os locais dos casos para que ações, sobretudo o isolamento social, sejam aplicadas. Essa mudança não ajuda, confunde tudo”, diz o virologista Gilberto Veloso.

A nova contagem da Prefeitura registrou menos 1.177 mortos em comparação com os números da Secretaria estadual de Saúde. Desde que houve o anúncio de que o método sofreria alterações, foram cinco dias sem dados oficiais do município sobre a doença.

A plataforma de dados sobre a pandemia no Rio exibiu, nesta terça-feira (26/05), um total de 1.801 mortos pela doença. Já a Secretaria de Saúde do Estado, em seu portal de informações, divulgou que a capital fluminense teria 2.978 mortes pela Covid-19.

Prefeitura do Rio e Secretaria Municipal de Saúde disseram que o novo protocolo é para dar mais transparência aos dados sobre o Coronavírus no Rio de Janeiro.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

1 COMENTÁRIO

  1. Infelizmente o povo brasileiro está pior do que já estava . Essa nova forma de notificação de obitos pela covid19 que prefeito adotou de transparência só tem a vontade do senhor perfeito em fazer valer o interesse dos empresários de vários ramos . Sou autônoma,trabalho vendendo roupas e não é necessário um ente querido morrer para eu entender a necessidade de atitudes para diminuir a propagação do virus e tbm entender que nenhum governo seja ele federal,estadual ou Municipal está realmente fazendo o que é preciso . Pergunto cade os teste ,Cadê os hospitais de campanha,Cadê os equipamentos necessários para os profissionais da saúde e para onde foi o dinheiro recebido para da assistência ao povo ! Tenho um celular e uma internet e tbm tenho uma TV em casa então não tem como dizer que estou desinformado em relação ao que esta acontecendo,até porque tbm tenho vizinhos,amigos e familiares,enfim sou uma pequena parte do povo humilde que sempre sofreu e sofre com o mal de todos os governos sejam eles nacional ou não,enquanto o povo se dividi eles nos matam ! Vamos para de nos dividir,afinal somos a maioria .O que digo é que quero viver e preciso de vc meu amigo,ao inver de repetir o que os grandes mandam o nossos governantes fazem e eles obedecem, os mesmos que nós povo elegemos ,vamos lutar e abrir nossos olhos e corações,lideres políticos entram e sai ,e a política de usurpação do povo nao muda. Pouco que é oferecido é só para dividir o povo,pois que pensa que esta bem ,ignora seu vizinho necessitado . É só olhar para o lado ou melhor para tela de seu tel e colocar no Google,número de obitos pela covid19,seja a notificação com transparência ou não terá óbitos ,e a mim não importa ser foi um ou um milhão,importa que alguém perdeu sua vida por negligência política! Morto nao defende ninguém,então eu defendo vc e a mim ,e vc a quem realmente está Defendendo? Pense nisso!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui