1_corregedor-8472855
1_corregedor-8472855

Nesta segunda-feira, 10/12, o novo comando do Tribunal de Justiça (TJRJ) foi definido. O desembargador Claudio de Mello Tavares, atual corregedor-geral da Justiça, ganhou a presidência por 104 votos contra 63 concedidos ao desembargador Caetano Ernesto da Fonseca Costa. A eleição teve um voto nulo.

Claudio de Mello Tavares assume em fevereiro do próximo ano e ocupará o cargo de Presidente do Tribunal de Justiça no biênio 2019/2020.



“O poder só tem sentido se através dele nós podemos ajudar o nosso semelhante. E eu tenho certeza que a partir de hoje, nós vamos estar mais unidos, nós vamos ser multiplicadores do bem. Contem sempre comigo, eu quero fazer uma administração para que nosso Poder Judiciário continue sendo respeitado, seja o paradigma como sempre foi para o Brasil. Vou continuar trabalhando diuturnamente com toda a minha força e com a minha fé, que é que me move. Eu pretendo dar continuidade ao trabalho que eu fiz na Corregedoria-Geral da Justiça para que a população tenha uma jurisdição mais célere e duração razoável do processo, para que efetivamente os serventuários possam ter mais condições de trabalho, melhorando a parte técnica”, afirmou Claudio de Mello Tavares.

Membro do Órgão Especial e do Conselho da Magistratura, Claudio de Mello Tavares é o atual Corregedor Geral da Justiça e tomou posse como desembargador em março de 1998.

Outros postos também foram definidos nesta eleição. A disputa mais acirrada foi para o cargo de corregedor-geral da Justiça. o desembargador Bernardo Garcez venceu por 86 votos contra 84 recebidos pelo desembargador Adriano Celso.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui