Le Terroir (Foto Fabio Rossi)

A bucólica Rua Conde de Irajá, em Botafogo, na Zona Sul do Rio, acaba de ganhar uma uma boa novidade para comemorar: a chegada do Le Terroir. O casarão de aproximadamente 100m abrigará, a partir de novembro, um espaço inteiro dedicado a uma das bebidas mais queridas pelos cariocas, o vinho.



Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

O casarão de pé direito alto promete receber os mais variados públicos, para os entendedores de vinho ou leigos, em um ambiente de dois andares, confortável e descontraído. Um painel com mais de trinta retratos de personalidades apreciando sua boa taça convida para pedir mais uma e aproxima o público ainda mais da bebida. O lustre com garrafas é outro detalhe atraente e divertido. Para aqueles que buscam um cantinho para apreciar ao ar livre, podem contar com as mesas na calçada, ou se o desejo é algo mais intimista o lounge no jirau da casa.

Le Terroir – Mesão (Foto Fabio Rossi)

Na carta, apenas 17 rótulos de excelente custo x benefício, incluindo opções orgânicas. Assinada originalmente pelo mestre Célio Álzer, falecido infelizmente durante o período da quarentena, a casa vai oferecer rótulos com o princípio de serem descomplicados. “Quero servir vinhos fáceis, sem presunção ou mis-en scene”, conta Patrícia.

Serão oferecidos espumantes, brancos, rosés, tintos e de sobremesa. Vinhos como o chileno Santa Ema Reserva Rosé, um orgânico de sabor fresco, composto por Cabernet Sauvignon e Syrah; e o Cepa 50 Monastrell Viñas Viejas, um tinto orgânico e vegano, produzido em Alicante, na Espanha. Outra novidade da casa é a régua de vinho, comumente vendido em bares com chope. Aqui ela aparece para uma degustação três taças distintas.

Le Terroir – Ambiente interno (Foto Fabio Rossi)

Além disso, as adegas aparentes no salão, também serão acessíveis aos clientes, pois a ideia é variedade e ter sempre outras opções, como, por exemplo, estantes só de vinhos nacionais ou naturais.

O menu vem com os sabores assinados pelo chef Fabio Nogueira. À frente do catering Trinca e Ferro há muitos anos, o experiente chef assume esta cozinha eclética, alinhado a todo conceito do lugar, a informalidade. Para ele, o chef criou uma ala dedicada aos risotos nos mais variados sabores; bruschettas, nos sabores linguiça e queijo coalho, brie com parma e aspargos e a clássica al pomodoro. Entre as entradinhas, prometem brilhar as tábuas de frios, e a de queijos artesanais (seleção do Clube do Queijo).

Le Terroir – Ambiente Jirau (Foto: Fabio Ross)

A salicórnia, uma iguaria encontrada em terras salinizadas e que vem aparecendo muito aos pouquinhos nos cardápios na cidade, aparece no ceviche com chips de batata doce e salicórnia, e na manteiga do couvert.

Le Terroir – Camarão na Moranguinha 

Fruto do sonho da jornalista Patricia Nogueira, dos seus irmãos, o chef Fabio Nogueira e Thiago Nogueira, e de sua da amiga de longa data, Angela Calixta, a ideia, para um futuro próximo, é de que o Le Terroir também seja uma casa de atividades culturais e, claro, voltadas para a celebrada bebida. Será criada uma extensa programação mensal, que passeia por degustações, música ao vivo, arte e noites especiais para todos.

Serviço:
Le Terroir
Endereço: Rua Conde de Irajá, 201 Botafogo
Tel: 3489-4491
Horário: Terça a sábado de 17h30 às 01h.
Capacidade: 68 lugares.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui