O NOVO já tem 11 pré-candidatos a prefeito do Rio de Janeiro. Isso mesmo, o partido laranjinha conta com mais de 1 dezena de membros disputando uma vaga para concorrer à cadeira de Marcelo Crivella (PRB) em 2020. Eles fazem parte do processo seletivo que a legenda está fazendo em algumas capitais e grandes cidades para concorrer ao Executivo.

Não foi informado, entretanto, os nomes dos participantes da seleção, nem se Marcelo Trindade, candidato a governador do Rio pelo partido em 2018, está ou não entre os pré-candidatos. Mas, pelo que o Diário do Rio levantou, mesmo que esteja, ele ainda terá de passar pelas mesmas “provas” que os outros nomes.

Para participar desta seleção, cada pré-candidato precisou pagar uma taxa de R$ 4.000, além de provar que tem, no mínimo, experiência de 8 anos em posições relevantes em gestão no setor público e/ou privado, com elevadas práticas de governança. E reconhecimento reputacional perante à sociedade e à comunidade empresarial da região.

Além disso, cada um deles precisou comprovar as seguintes competências comportamentais: liderança, capacidade de comunicação, espírito empreendedor, aptidão para trabalhar em equipe e raciocínio analítico e estratégico que complementem o seu perfil de gestor. Uma empresa de recrutamento e desenvolvimento de executivos, a Exec, foi contratado para o serviço de escolha do candidato.

No Brasil, até o momento, foram 128 inscritos. Se fizer a conta, o partido que não usa a verba do fundo eleitoral, conseguiu, apenas nesse momento, mais de meio milhão de reais só com os que desejam governar suas cidades. E ainda falta o processo seletivo para vereadores, que será lançado em julho deste ano.

O NOVO vem crescendo bastante, apenas neste mês de junho foram mais de 9 mil filiados. O partido já conta com 48 mil membros, mas levando em conta que apenas em sua página no Facebook há mais de 2 milhões de curtidas, eles têm ainda como crescer bastante.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui