Hotel Fasano deve ganhar concorrentes no setor luxoParece que o Copacabana Palace e o Fasano vão ganhar concorrentes aqui no Rio de Janeiro, é que devem abrir 3 novos hotéis de luxo no Rio de Janeiro, afinal, sofremos com falta de quartos aqui em nossa cidade.

Um deles deverá ser no Jardim Oceânico, na Barra da Tijuca, em frente à Praça do Ó. O hotel terá 13 mil m² e 175 quartos. Quem está capitaneando é Paulo Figueiredo, neto do presidente João Figueiredo e as obras devem iniciar em julho. A informação é da Veja Rio desta semana.

Já a revista Poder do mês de fevereiro traz matéria sobre dois novos hotéis de luxo na Avenida Atlântica, Copacabana. Um deles, o Emiliano Rio, já tem previsão de inauguração em julho de 2015, ficará em um terreno de 1.000 m² onde era a consulado da Áustriae que foi comprado por R$ 40 milhões. O hotel tem investimento de Gustavo Filgueiras, dono da matriz paulista e o Banco BTG Pactual, que parece estar em todas e que tem como um dos sócios o irmão do Eduardo Paes, Guilherme Paes.

O prédio do Emiliano Rio terá 13 andares e 98 quartos. E se o Emiliano São Paulo mira o negócio e a tradição, a versão carioca terá esportes e lazer. É considerada a opção de ter concierge e personal trainer juntos.

Já o German Hotel será no 2.692 da Avenida Atlântica, a bela mansão de pedra que pertencia a Zilda Azambuja Canavarro Pereira que a vendeu por R$ 28 milhões para os empresários Omar Peres (foi dono do Hotel Portinari, em Copacabana, e do Solar do Império, em Petrópolis) e Germán Efromovich (dono da Avianca e de uma rede hoteleira na Colômbia).

O hotel deve ter 12 andares e Peres gostaria que tivesse o desenho da iraniuana Zaha Hadid. Ainda não previsão para inauguração.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui