Print

A ONG Operação Sorriso realiza mais uma missão humanitária reunindo cerca de 80 voluntários da área médica para ajudar pessoas portadoras de deformidades faciais que vivem excluídas da sociedade. A equipe ficará no Rio de Janeiro por dez dias. A previsão é de que sejam feitas cerca de 100 cirurgias corretivas gratuitas em crianças e adultos portadores de lábio leporino e/ou fenda palatina. A seleção dos pacientes acontece nos dias 8 e 9 de outubro, a partir das 8h, na Policlínica Piquet Carneiro (Av. Marechal Rondon, 381, São Francisco Xavier). Já as cirurgias serão realizadas entre 12 e 16 de outubro, no Hospital Universitário Pedro Ernesto (Avenida 28 de Setembro, 77, Vila Isabel).

Para participar da seleção, não é necessário fazer inscrição prévia, apenas comparecer ao local nos dias indicados levando documentos de identificação do paciente e também do responsável. Caso tenha, o paciente também deve trazer exames de sangue recentes (realizados há seis meses ou menos). Quem reside fora do município poderá solicitar hospedagem gratuita para o período no dia da triagem.

“A preocupação da Operação Sorriso em todo o mundo é realizar um programa humanitário de qualidade. Iremos receber pessoas que precisam de ajuda e queremos que se sintam acolhidas. Queremos que além do tratamento de qualidade essas pessoas tenham acesso aos tratamentos complementares e renovem suas esperanças. Nossa meta é permitir a reinserção social completa dessa pessoa”, diz Luciana Garcia, coordenadora nacional de programas humanitários da ONG.

Os voluntários envolvidos no programa humanitário do Rio de Janeiro vêm de diversas regiões do Brasil e também de outros países. Muitos deles são referências em suas áreas de atuação — pertencem a diferentes especialidades como cirurgia plástica, enfermagem, anestesia, psicologia, ortodontia, fonoaudiologia, pediatria, entre outros. “A ideia é operar e capacitar os centros locais. As crianças que não forem atendidas serão encaminhadas para o serviço público local, atingindo a população com resultados mais permanentes”, enfatiza o anestesiologista Roberto Freire, diretor médico da Operação Sorriso.

Essa é a quinta vez que a ONG vem ao Rio, somando mais de nove mil consultas em mais de mil pacientes nas missões realizadas. Cerca de 400 pessoas foram operadas e mais de 700 procedimentos cirúrgicos foram feitos durante os programas humanitários na cidade.

Apoiadores têm papel fundamental

O programa humanitário da OS conta com o apoio da Marinha do Brasil, da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, da Associação Brasileira de Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial (ABCCMF), da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), do Projeto Genoma Humano, do Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE/UERJ), da Policlínica Piquet Carneiro, do Rio Solidário, e da Associação de Emissoras de Rádio do Rio de Janeiro (AERJ). Entre os patrocinadores estão as empresas Abbott, Buffet Formigueiro, Ethicon Johnson & Johnson, QLL, Schivartche Advogados, Colgate, Enox, Azul Linhas Aéreas, American Airlines, White Martins, Approach Comunicação Integrada, Icatu Seguros, CitiEsperança, Bionexo, Comerc, Pepsi, Fnazca, Way Models e PRNewswire. Além das empresas patrocinadoras, a OS recebe apoio local das empresas: LAMSA, Barcas SA, CCR Ponte, Personal Service, Metrô Rio, UERJ, Solvinil Tintas, Instituto da Criança, Hotéis Marina, MiniHumanos, Scorial Rio Hotel e Total Sucos .

Para Andréa Mello, superintendente de Atenção Básica da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, os resultados das missões da OS mostram que a equipe de médicos e demais profissionais de saúde envolvidos oferecem atendimento digno, seguro e de qualidade. “Apoiamos iniciativas como esta porque vêm para somar com o trabalho da rede pública de saúde. Mais do que um sorriso, os pacientes ganham a chance de viver melhor e de construir um futuro mais digno”, disse.

De acordo com o Dr. João José Caramez, diretor Geral da Policlínica Piquet Carneiro, a parceria com a ONG tem ajudado a fortalecer o serviço de fissurados do Estado do Rio, o CTAC (Centro de Tratamento de Anomalias Craniofaciais), localizado na Policlínica. “À medida que temos esse serviço, a Operação Sorriso contribui e muito para a seleção de nossos pacientes”, comemorou.

O professor Rodolfo Acatauassú, diretor Geral do Hospital Universitário Pedro Ernesto, conta que a instituição “tem colaborado, com muita honra, com a Operação Sorriso pelo seu nobre objetivo de proporcionar aos pacientes, especialmente da faixa etária infantil, a recuperação de anomalias craniofaciais”. Para ele, esta ação, de caráter afirmativo à dignidade dos pacientes, merece o apoio de toda a sociedade.

Atendimento pós-operatório gratuito

Também nos dias 8 e 9 de outubro, os voluntários da Operação Sorriso realizarão a avaliação pós-operatória dos 95 pacientes que já fizeram a cirurgia para correção de lábio leporino e/ou fenda palatina na missão humanitária ocorrida em agosto de 2012. Esse retorno permite que a equipe avalie o resultado da cirurgia anterior, verifique se há necessidade de uma nova cirurgia ou de tratamentos complementares, bem como dê alta cirúrgica a quem está totalmente recuperado. Esta ação também acontecerá na Policlínica Piquet Carneiro.

Pedido de ajuda

A Operação Sorriso pede ajuda a todas as pessoas, pois precisa aumentar as arrecadações em dinheiro para não precisar diminuir o atendimento no Brasil para 2014. “No Brasil, já são mais de cinco mil pessoas operadas e cerca de nove mil atendidas. Gostaríamos de ir a novos lugares, recebemos pedidos todos os dias. Há cerca de 280 mil pessoas ainda vivendo com uma deformidade facial corrigível em nosso país, mas precisamos de dinheiro. O custo de transportar médicos, equipamentos, suprimentos é muito alto. Acreditamos na generosidade das pessoas e sabemos que em 45 minutos podemos transformar uma vida para sempre. O investimento é garantido.”, afirma Elisa Maria Campos, coordenadora nacional de comunicação da ONG.

Quem quiser ajudar com doações em dinheiro pode doar online www.doeumsorriso.org.br ou  através de depósito em conta:

 

Associação Operação Sorriso do Brasil

CNPJ: 08.691.563/0001-85
Banco Itaú – 341
Ag: 8729 C/C: 23082-4
Comunicar depósito através do e-mail: contato@operationsmile.org.br
*As empresas também podem apoiar a Operação Sorriso com recursos financeiros,
humanos ou contribuições em espécie ou através de parcerias corporativas. Relatórios financeiros disponíveis no site.

A OS recebe também doações de produtos para os kits que doará aos pacientes durante a missão: alimentos não perecíveis, leite em pó, suplementos alimentares como Peidiasure, xampu, brinquedos em bom estado e fraldas As doações poderão ser encaminhadas, a partir do dia 01 de outubro, à loja MiniHumanos, que fica em Botafogo (Rua Voluntários da Pátria, 212 – loja).

É também possível ajudar na divulgação. Para fazer essa oportunidade chegar aos pacientes, a organização disponibiliza cartazes, vts, banners para sites, facebook e spots no site www.operacaosorriso.org.br.

Outras informações poderão ser obtidas através dos telefones (21) 8515-8307.

Sobre a Operação Sorriso

A cada três minutos nasce uma criança com deformidade facial no mundo. De acordo com a Organização Mundial de Saúde existe uma criança com fissura para cada 650 nascidas e, todos os anos, mais de 5800 novos casos endossam as estatísticas. A estimativa é que existam cerca de 280 mil pessoas com fissura lábio/palatal em todo o Brasil. Entretanto, não se sabe necessariamente quantas já receberam o tratamento. Presente no país desde 1997, a Operação Sorriso já transformou a vida de mais  de 200 mil pessoas.  Em dezesseis anos, já foram realizados mais de 79 mil exames e avaliações especializadas e mais de cinco mil cirurgias em onze estados brasileiros.

Só em 2012, a organização realizou mais de seis mil exames multidisciplinares especializados para crianças das regiões Norte, Nordeste e Sudeste do país, além de 513 procedimentos cirúrgicos e 13 programas pós-operatórios, tudo gratuitamente, devolvendo a dignidade, funcionalidade e autoestima para 327 pacientes.

Informações: www.operacaosorriso.org.br

Serviço:

Seleção dos pacientes: 8 e 9 de outubro de 2013
Local: Policlínica Piquet Carneiro (Av. Marechal Rondon, 381, Bairro São Francisco Xavier)
Horário: a partir das 8h
Cirurgias: 12 a 16 de outubro
Local: Hospital Universitário Pedro Ernesto (Avenida 28 de Setembro, 77, Vila Isabel)
Doações: Loja MiniHumanos (Rua Voluntários da Pátria, 212, Botafogo)
Informações: (21) 8515-8307

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui