Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro - Foto: Reprodução/Internet

Todos os 51 vereadores da Cidade do Rio de Janeiro concorrem nesta eleição; 50 à reeleição para vereador, e Paulo Messina (MDB) tenta a cadeira de prefeito do Rio. A lei eleitoral obriga que todos candidatos divulguem sua lista de bens. Alguns dados constantes das declarações podem causar espanto, como alguns candidatos que afirmam não ter sequer uma simples conta em banco.

Entre as curiosidades está Cesar Maia, que Tem entre seus bens o consórcio para adquirir uma moto. Já imaginou o ex-prefeito, com 75 anos dando uma de motociclista selvagem? Ou bico de iFood, vai lá. Vai ver é um daqueles pedidos de gerente de banco que a gente não consegue negar.

Carlos Bolsonaro (Republicanos) segue o estilo dos investimentos da família: são 3 imóveis, além de participação na empresa Bolsonaro Digital LTDA. Além disso, tem R$ 20.000 em espécie. Mas isso é fichinha, perto dos R$ 100.00,00 que Junior da Lucinha (PL) tem em dinheiro vivo. O que não é nada perto da grana firme que diz guardar Marcello Siciliano (PP), nada menos que R$ 460 mil, uma em cima da outra!!

Coitado de Eliseu Kessler (PSD) e do Major Elitusalem (PSC), eles declararam que não tem bens… nem uma conta salário. Eles conseguem ter menos que o professor Tarcísio Motta (PSol) que pelo menos declarou os R$ 2.823,22 que tem no Banco do Brasil: esse salário de vereador não rende!!!

E os mais ricos, quem diria, são Átila A. Nunes (DEM) e Dr. Carlos Eduardo (PODE), com mais de R$ 3 milhões em bens cada um.

  1. Átila A. Nunes (DEM) – R$3.882.729,45
  2. Dr. Carlos Eduardo (PODE) – R$ 3.082.781,43
  3. Carlo Caiado (DEM) – R$ 2.892.585,00
  4. Rosa Fernandes (PSC) – R$ 2.325.111,18
  5. Dr. João Ricardo (PSC) – R$ 2.101.236,19
  6. Dr. Marcos Paulo (PSol) – R$ 1.895.471,60
  7. Prof. Célio Luparelli (DEM) – R$ 1.650.908,67
  8. Renato Moura (Patriota) – R$ 1.636.572,16
  9. Verônica Costa (DEM) – R$ 1.580.421,20
  10. Thiago K Ribeiro (DEM) – R$ 1.486.323,64
  11. Luciana Novaes (PT) – R$ 1.381.498,95
  12. Dr. Gilberto (PTC) – R$ 1.355.600,00
  13. Wellington Dias (PDT) – R$ 1.304.408,47
  14. Teresa Bergher (CDD) – R$ 1.190.000,00
  15. Marcelo Sicilliano (PP) – R$ 1.109.941,18
  16. Luiz Carlos Ramos Filho (PMN) – R$ 1.041.305,28
  17. Alexandre Isquierdo (DEM) – R$ 980.000,00
  18. Rafael Aloisio Freitas (CDD) – R$ 967.164,03
  19. Zico (Rep) – R$ 963.006,39
  20. Willian Coelho (DC) – R$ 738.071,21
  21. Dr. Jorge Manaia (PP) – R$ 712.176,57
  22. Rocal (PSD) – R$ 707.771,07
  23. Jorge Felippe (DEM) – R$ 636.637,22
  24. Fernando William (PDT) – R$ 600.000,00
  25. Carlos Bolsonaro (REP) – R$ 591.659.46
  26. Vera Lins (PP) – R$ 545.989,99
  27. Paulo Pinheiro (PSol) – R$ 498.838,62
  28. Felipe Michel (PP) – R$ 439.400,27
  29. Marcelino D´Almeida (PP) – R$ 399.961,67
  30. Inaldo Silva (Rep) – R$ 395.653,05
  31. Italo Ciba (Avante) – R$ 383.440,19
  32. Junior da Lucinha (PL) – R$ 371.831,77
  33. Marcelo Arar (PTB) – R$ 367.039,00
  34. Zico Bacana (Pode) – R$ 334.148,92
  35. Paulo Messina (MDB) – R$ 319.300,00
  36. Dr. Jairinho (SDD) – R$ 313.705,42
  37. Reimont (PT) – R$ 295.372,52
  38. Tânia Bastos (REP) – R$ 251.359,08
  39. Prof. Adalmir (PP) – R$ 218.000,00
  40. Leonel Brizola (PSol) – R$ 210.315,00
  41. Leandro Lyra (Rep) – R$ 177.541,79
  42. João Mendes de Jesus (Rep) – R$ 172.140,00
  43. Cesar Maia (DEM) – R$ 83.078,65
  44. Fatima da Solidariedade (SDD) – R$ 50.705,23
  45. Jair da Mendes Gomes (PROS) – R$ 48.200,00
  46. Jones Moura (PSD) – R$ 30.000,00
  47. Renato Cinco (PSol) – R$ 12.768,00
  48. Babá (PSol) – R$ 8.323,84
  49. Tarcisio Motta (PSol) – R$ 2.823,22
  50. Eliseu Kessler (PSD) – não tem bens em seu nome
  51. Major Elitusalem (PSC) – não tem bens em sue nome

1 COMENTÁRIO

  1. Venho acompanhando desde 1982 , A Divulgação de Registro de Candidaturas, principalmente , a DECLARAÇÃO DE BENS , exigida pelo TREs, de alguns candidatos, principalmente presidentes,senadores, governadores e prefeitos e alguns DF,DE e vereadores.
    E uma verdadeira peça de ficção que a Legislação Eleitoral deveria rever.
    Tem candidatos , depois de anos na politica, tendo exercendo varios cargos , alegam na maior cara de pau, que não possue nenhum bem. Moreira Franco já fez isso! Quando declaram algum bem é pelo seu valor histórico da compra ou de quando herdou…de 30 , 40 ou 50 anos atrás, que pelas diversas moedas que existiram, acabamos vendo imoveis no Leblon, Ipanema ou Barra, com valores que não compra um barraco em uma favela/comunidade.
    Outra questão e a grande quantidade de dinheiro fisico, que candidatos declaram.rsrsrs
    E o TSE e os TREs aceitam , sem quesionamento.
    Por isso, que nossos politidos eleitos são tão paupérrimos…(haja laranjas e corrupção)

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui