OSB celebra a Espanha no Theatro Municipal do Rio

Concerto será dia 31 de maio, no Municipal. Maestro Ignácio García Vidal e a cantora flamenca Mariola Membrives são os convidados.

Foto - Cícero Rodrigues

No segundo espetáculo da série em que a Orquestra Sinfônica Brasileira celebra a história e o patrimônio musical de diferentes nações, a colorida, rítmica e apaixonada música espanhola está em foco. No dia 31 de maio, o Theatro Municipal do Rio de Janeiro será o palco do concerto Série Mundo Espanha, que conta com regência do maestro Ignacio García Vidal e participação da cantora flamenca Mariola Membrives. No programa, obras marcantes de Joaquín TurinaFederico García Lorca Manuel de Falla.

A noite começa com uma das peças mais populares de Joaquín Turina (1882 — 1949), importante nome da música nacionalista espanhola na primeira metade do século XX. La Oración del Torero é uma obra de sabor espanhol, mas de caráter impressionista. A inspiração de Turina para este trabalho surgiu quando o compositor, numa tarde de touradas em Madri, adentrou uma capela perfumada de incensos e viu toureiros ajoelhados em oração. O contraste radical entre o tumulto das arenas e a atmosfera transcendente de devoção encantou o compositor, que capturou em música a dissonância daquelas cenas. Originalmente a peça foi escrita para ‘laúdes’, um instrumento espanhol que muito se assemelha ao bandolim. Posteriormente, Turina rearranjaria a oração para orquestra de cordas, que é a versão que será interpretada pela OSB, na companhia da cantora flamenca Mariola Membrives.

Federico García Lorca (1898 —1936) talvez seja mais lembrado pela sua prolífica atividade enquanto poeta. Afinal, sua obra tão rica e diversa, na qual a alma espanhola se pronuncia com tanta intensidade, agrada e emociona os leitores mais críticos. Para além de todo seu legado literário, no entanto, Lorca foi também um exímio músico: dominava com maestria a guitarra e o piano e era amigo próximo de compositores como Manuel de Falla. Apaixonado pelas canções folclóricas da Espanha, sobretudo aquelas da sua região nativa, a Andaluzia, Lorca coletou e harmonizou muitas delas. E é uma seleção dessas canções, provavelmente ouvidas pelo poeta na sua infância de Lorca, que compõe a seção central deste programa, também com a participação da cantora flamenca convidada.

Mariola

O compositor Manuel de Falla (1876 — 1946) havia acabado de voltar de Paris cheio de novas ideias quando, em 1914, começou a escrever a versão de El Amor Brujo, que encerra o programa. Escrita sob encomenda e em homenagem a Pastora Imperio, a mais célebre de todas as dançarinas de flamenco, a composição combina uma magnífica orquestração impressionista com influências estilísticas, folclóricas, literárias e musicais da cultura cigana de Andaluzia. “El Amor Brujo”, em sua versão inicial, foi composto para um conjunto orquestral e cantaora – isto é, uma cantora flamenca – e conta a história de Candelas, uma cigana que é atormentada pelo fantasma de seu antigo amor toda vez que procura um novo pretendente. Talvez inovadora demais para o público na ocasião de sua estreia, a obra não foi um sucesso imediato. Posteriormente, no entanto, ela se tornaria um dos trabalhos mais famosos de Manuel de Falla. Um impetuoso tour de force de sonoridades e ritmos andaluzes.

PROGRAMA:

Joaquín Turina – La Oración del Torero
Federico García Lorca – Seleção de canções populares antigas espanholas
Manuel de Falla – El Amor Brujo (versão original de 1915)

SERVIÇO:
OSB – Série Mundo | Espanha
Ignacio García Vidal, regência
Mariola Membrives, cantora flamenca
Dia 31 de maio de 2022 (terça-feira), às 19h
Local: Theatro Municipal do Rio de Janeiro (Praça Floriano, s/nº – Centro, Rio de Janeiro)

Ingressos:
Frisa/Camarote 120,00 (R$60,00 meia)
Plateia/Balcão Nobre 120,00 (R$60,00 meia)
Balcão Superior 60,00 (R$40,00 meia)
Balcão Superior Lateral 50,00 (R$25,00 meia)
Galeria 40,00 (R$20,00 meia)
Galeria Lateral 20,00 (R$10,00 meia)
À venda na bilheteria do TMRJ e no site Eleven Tickets

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui