Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro (Tomaz Silva/Agência Brasil)

Neste sábado, 09/10, o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), convocou as cervejarias Heineken, Itaipava, Brahma e Schin para patrocinarem o Carnaval da cidade em 2022. Em post no Twitter, ele disse que já está imaginando como serão “os comerciais das diferentes cervejarias no Carnaval do próximo ano”.

Paes publicou a imagem da 1ª propaganda da cervejaria Brahma depois da gripe espanhola (1918-1919). Na anúncio está escrito: “Afim de podermos atender com prontidão aos pedidos de cerveja para o Carnaval de 1919, rogamos aos nossos amigos e fregueses a fineza de enviar-nos as suas prezadas ordens com a necessária antecedência”.

15 COMENTÁRIOS

  1. Isso que é ser um genocida!Afinal as vacinas não estão garantindo nada!
    Vários casos de contaminação em pessoas que já estavam vacinadas!
    A minha consciência está tranquila! Não votei nesse pilantra! Ele já era pra estar preso há muito tempo! Toda a sua turma já está presa!Só falta ele!

  2. Imbecil. Só pensa nele e no projeto pra ser governador… bem feito pros idiotas que votaram nesse energumeno ( inclusive eu). Rico. Família toda no exterior É o brasilzinho das oligarquias….que nao estão nem aí pra multidão de miseráveis…fome,desemprego,desespero,energia caríssima,gás nem se fala é o alienado pensando em carnaval pra monte de vagabundos privilegiados….tudo certo que é uma indústria que gera milhares de empregos e renda pro Estado….mas o pobre (70%) vai consumir o que? É um retardado politico mental e privilegiado que não enxerga um triz á frente do nariz…que deve estar entupido.

  3. Em minha opinião acredito que nenhuma grande cervejaria vá querer arriscar sua marca neste momento..pois ainda não estamos livres desta praga diabólica.O que está ocorrendo é uma imposição da monarquia empresarial do Rio de Janeiro
    Para liberar tudo..e influênciam Prefeito e Governador(este baixa até as calças se algum empresário pedir)e este está desesperado para continuar no governo.
    Especialistas dizem que hoje, o ideal seria 90% da população vacinada e não mais 70%..e ainda corremos o risco de outras variantes que ainda circulam no meio ambiente ainda possam comprometer toda a campanha vacinal.
    Para completar…temos uma população que não respeita nada..como continuar a usar a máscara e seguir as medidas de higiene.Muitos fazem pouco caso deste vírus.
    Antes, taxa era de 3,3% e chegou a ser de 2% no fim de 2020. Colapso do sistema de saúde está entre os motivos apontados pelos pesquisadores para alta na quantidade de pessoas que morreram por Covid em relação à quantidade de infectados.
    A OMS diz que é apenas uma questão de ‘quando’ e não de ‘se’ a próxima vai surgir”, diz. “Esses surtos, embora menos comuns do que epidemias, ocorrem de vez em quando e temos exemplos passados de situações esporádicas como a peste bubônica e mais de uma de influenza como gripe espanhola, asiática e suína.

  4. Boa tarde à todos! acho que além do carnaval que é uma festa bacana, ele tem também que se preocupar com à saúde e manutenção dá cidade, terminar às obras pendentes e focar em trazer empresa e trabalho prá população do rio de janeiro, à Zona portuária era muito bonita quando tinha manutenção feita pela concessionária porto novo, tomara que ela volte com as manutenções dá área!

  5. Vamos, torcer para q a nossa maior festa possa ser realizada com o melhor segurança sanitária possível, o carioca q gosta do carnaval, já está com saudades, quem ñ gosta, o que ñ falta é igreja para retiros espirituais, ou então fique em casa e nem ligue a TV, só ñ precisa encher o saco de quem se diverte, trabalha, assiste, movimenta a economia, e só pensa em alegria, em tempos tão sombrios. Vai em em frente prefeito, vc é o gestor, e esperamos isso de vc. O resto é conversinha fiada, que fala bobagens.

    • Pedro, se for pra ser tão laissez-faire assim, então que apoie o prefeito Paes Palho em parar de ser hipócrita e falsamente preocupado com a saúde coletiva com esses passaportes malucos. Como sustentar essa medida e logo em cima chamar carnaval? Carnaval certamente é um evento espalhador do vírus, por definição.

      Tem que ser discutido se querem correr o risco ou não. E se for pra ser coerente, que a prefeitura pare com as falsas preocupações com a saúde pública. Ou então mantenha esse discurso preocupado e se abstenha de promover carnaval. Em 4 ou 5 meses as coisas não irão melhorar da água pro vinho pra poder se dar ao luxo de promover tal festa não.

  6. Esse Paespalho só pensa nisso, deve estar ganhando algum dos bicheiros, só pode, já que a mesadinha básica da Odebrecht acabou…a propina da federação dos transportes secou…Pra esse degenerado o Rio é só carnaval e cerveja, talvez seja por isso que ele tenha destruído o centro da cidade pra colocar botequins e nem assim deu certo.

  7. Mas que perfeitinho ridículo. O negócio é grana, até porque como fazer falcatrua sem grana não é mesmo? E diga se de passagem, disso ele entende bem.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui