Eduardo Paes, prefeito do Rio - Foto: Reprodução/TV Globo

Em entrevista ao programa ”Bom Dia Rio”, da ”TV Globo”, na manhã desta quinta-feira (22/07), o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), afirmou que ainda demorará cerca de 1 ano para que o BRT da capital fluminense esteja 100% revitalizado após a intervenção do Poder Executivo municipal, iniciada em janeiro, quando a atual gestão assumiu o comando da cidade.

”As pessoas, infelizmente, tiveram a experiência do BRT abandonado. Fizemos uma intervenção e estamos tirando a concessionária. Tem que ter um outro processo licitatório. Ainda demora um pouco. Começamos em meados de 2022”, disse.

Ainda de acordo com Paes, em 2016, os 3 corredores do BRT Rio (Transcarioca, Transolímpica e Transoeste) dispunham, ao todo, de 375 ônibus, transportando aproximadamente 500 mil pessoas por dia. Já quando a atual Prefeitura anunciou a intervenção no sistema, em janeiro deste ano, eram apenas 120 ônibus e 80 mil passageiros.

”O que eu mais ouvia das pessoas, especialmente na Zona Oeste, era: ‘Prefeito, vou votar em você pois quero que o BRT volte a funcionar’. O sistema já está melhor do que em janeiro. Agora, estamos trabalhando muito para melhorá-lo ainda mais. Já saímos de 120 ônibus para 200, entregamos uma estação por dia, lançamos o BRT Seguro…”, complementou o prefeito.

Nesta semana, vale ressaltar, a Prefeitura do Rio reinaugurou 3 estações do BRT, todas pertencentes ao corredor Transcarioca: Ibiapina, na Penha, e Praça do Carmo e Pedro Taques, ambas na Penha Circular. Elas estavam fechadas há mais de 1 ano.



Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

Raphael Fernandes

Raphael Fernandes é jornalista, baixista e apaixonado por futebol. Integra a equipe do DIÁRIO DO RIO desde fevereiro de 2019 e, paralelamente, atua como repórter no radialismo esportivo carioca.

2 COMENTÁRIOS

  1. Grande porcaria esse BRT, salta aos olhos de qualquer um minimamente inteligente que não ia funcionar, mas sabemos que foi tudo feito na base de propinas, esse prefeito aceitou tudo que os empresários quiseram e gastou bilhões do contribuinte, lamentável. Hoje ficamos com esse legado péssimo, estações quebradas, ônibus sujos e mal-conservados, pistas onduladas e pessoas espremidas, um Deus nos acuda! Tem que voltar com as linhas de ônibus tradicionais, antigamente a gente pegava apenas 1 ônibus para ir pra qualquer lugar, agora tem baldiação, nenhum ônibus agora tem itinerário direto, ás vezes temos que pegar duas ou três conduções, inacreditável !!!!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui