Foto: Divulgação/Governo de SP

Após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizar o uso emergencial da vacina da Universidade de Oxford e da CoronaVac no Brasil, o Rio de Janeiro já deve iniciar a imunização. Nesta segunda-feira (18/01), um lote de 487.500 doses da CoronaVac chegará ao RJ às 13h.

O prefeito Eduardo Paes (DEM), via Twitter, anunciou o início da vacinação. Segundo ele, a primeira dose da vacina será aplicada ainda nesta segunda, às 17h, no Cristo Redentor. As primeiras cariocas vacinadas serão uma idosa que vive em um abrigo e uma profissional da saúde.

Durante a tarde serão informados mais detalhes sobre a primeira fase da vacinação. O prefeito, junto ao secretário de saúde, Daniel Soranz, irá apresentar a campanha, o calendário e os postos de atendimento às 14h, no Palácio da Cidade.

Em publicação no Twitter, Paes destacou ainda que após trabalho duro em planejamento logístico, o Rio está pronto para a primeira fase da imunização.

Na primeira fase da imunização, serão vacinados:

  • Trabalhadores da Saúde;
  • Pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas (em asilos ou abrigos)
  • Pessoas com deficiência institucionalizadas (internados)
  • Indígenas e quilombolas em terras próprias.

Esses grupos irão receber duas doses, com intervalo de duas ou três semanas.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui