Paes pede ajuda internacional para combate à pandemia

8 prefeitos de cidades do Brasil, incluindo o prefeito do Rio Eduardo Paes (DEM), pedem ajuda internacional no combate a covid-19 no Brasil.

Em um vídeo produzido pela FNP (Frente Nacional de Prefeitos), 8 prefeitos de cidades do Brasil, incluindo o prefeito do Rio Eduardo Paes (DEM), pedem ajuda internacional no combate a covid-19 no Brasil. Com legendas em inglês, eles pedem apoio para conseguirem vacinas, leitos, oxigênio, testagem gratuita e apoio às populações vulneráveis.

Segundo a FNP o vídeo tem objetivo do apelar, com a mídia nacional e internacional, mostrando “que os gestores municipais estão empenhados em enfrentar a covid-19 amparados na ciência“.

Com frases sendo completadas pelos gestores, o grupo cita a trágica situação vista no Brasil.

Estamos vivendo a maior crise sanitária e humanitária da nossa história. A covid-19 causou perdas irreparáveis. Casos graves e óbitos parecem ter virado rotina em nossas cidades. Estamos atrasados e vivendo um colapso na rede de saúde, no turismo, na economia, e na vida do povo brasileiro“, citaram os prefeitos.

Os gestores citam as novas variantes em circulação, e colocam o Brasil como epicentro da doença. 

O vírus se replica rapidamente, sofre mutações, a transmissão aumenta, é uma questão de tempo para mais variantes e mais mortes. Chegamos a uma fase crítica de ocupação de UTI. A falta de insumos em todos os municípios nos torna o grande epicentro da pandemia” citam.

os prefeitos afirmam que encontram barreiras na luta contra a covid-19. Eles se dizem empenhados em respeitar a ciência e as medidas preventivas, mas veem colapso na saúde brasileira.

Segundo a assessoria de FNP, o vídeo e um ofício com pedido de ajuda será enviado a órgãos como a ONU (Organização da Nações Unidas) e a União Europeia.

Participaram do vídeo os prefeitos do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM-RJ); de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT-SE); de Fortaleza, José Sarto (PDT-CE); de Florianópolis, Gean Loureiro (DEM-RS); de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB-PE); de Pelotas, Paula Mascarenhas (PSDB-RS); de Belém, Edmilson Rodrigues (PSOL-PA); e de Salvador, Bruno Reis (DEM-BA).

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui