PDT oficializa Cabo Daciolo como candidato ao Senado

A definição para concorrer ao cargo vinha se arrastando há meses, em meio à disputa entre Ivanir dos Santos e Daciolo para a ocupação da vaga

Creative Commons Attribution 3.0 Unported license - Foto: Gustavo Lima - Câmara dos Deputados

Na noite de sexta-feira, (05/08), o diretório fluminense do PDT definiu o Cabo Daciolo como candidato do partido ao Senado do Rio. A decisão foi tomada a poucas horas do fim do prazo para a oficialização das candidaturas junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Daciolo vai compor a chapa majoritária da sigla com o candidato pedetista ao governo do estado, Rodrigo Neves, e com seu vice, Felipe Santa Cruz (PSD), apadrinhado pelo prefeito do Rio Eduardo Paes (PSD).

A definição para concorrer ao Senado vinha se arrastando há meses, em meio à disputa entre Ivanir dos Santos e Daciolo para ocupar a vaga.

Foto: Montagem/Redes Sociais/Reprodução

A escolha por Daciolo agrada uma ala mais pragmática do PDT, que avalia que seu nome tem maior viabilidade eleitoral. Para esse grupo, além de reforçar o palanque para o presidenciável Ciro Gomes, sua entrada no meio evangélico pode retirar votos de candidaturas conservadoras e ligadas ao presidente Jair Bolsonaro (PL).

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui