Prefeitura retoma Linha Amarela e acaba com pedágio. Foto: Hudson Pontes/Prefeitura Rio

A Lamsa anunciou nesta terça-feira (29/10) que voltará a cobrar o pedágio da Linha Amarela no primeiro minuto da próxima sexta-feira, dia 1/11. A tarifa básica é de R$ 7,50 por sentido.

Através de nota oficial, a concessionária disse que 100 funcionários “se disponibilizaram para colaborar com o time da Lamsa”, tornando possível “a recuperação da estrutura cinco dias após a destruição feita pelas equipes do prefeito Marcelo Crivella”.

No último domingo, 27/10, a Prefeitura notificou o rompimento unilateral do contrato de concessão da Linha Amarela à Lamsa, que administra a via. A primeira determinação de Marcelo Crivella foi a derrubada de todas as cancelas que impediam a passagem dos veículos sem que houvesse o pagamento de pedágio.

1 COMENTÁRIO

  1. Conta que 100 (cem) funcionários se disponibilizaram assim, para recuperação…
    Muito mal contada essa história.
    Vai ver que ameaçados de demissão.
    Ou que intimados a trabalharem extra (de graça) sem contraprestação (pagamento)…
    Lembro da notícia sobre a festa de casamento do filho de dono da RedeTV.
    Os funcionários da emissora foram convocados a trabalharem nos preparativos da festa de casamento. Mas deixado claro que seria tudo “na base do 0800”.

    https://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/celebridades/funcionarios-da-redetv-se-revoltam-por-trabalhar-de-graca-em-casamento-29596

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui