Pesquisa Fecomércio mostra que Dia dos Pais deve injetar R$ 639 milhões na economia fluminense

Entre os produtos escolhidos na hora de presentear, as roupas são as campeãs de preferência, com 63,6% das intenções de compra

Saara, no centro do Rio. | Foto: Rafa Pereira - Diário do Rio

Um levantamento realizado pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec RJ), da Fecomércio-RJ verificou que 44,2% dos entrevistados pretendem presentear alguém no Dia dos Pais. A data, segundo o IFec RJ, deve incrementar em R$ 639 milhões a economia fluminense, contra os R$ 433 milhões, de 2021. A sondagem, na qual foram ouvidas 342 pessoas, entre os 25 e 29/07, demonstrou um crescimento de 40% nas intenções de consumo dos entrevistados. As informações são do jornal O Globo.

Segundo a pesquisa, entre os produtos escolhidos na hora de presentear, as roupas são as campeãs de preferência, com 63,6% das intenções de compra. Em seguida, na lista de preferência dos consumidores, vêm calçados ou acessórios, com 25,2%; e perfume ou cosmético, com 15,2%. Ainda segundo a pesquisa, o valor médio dos tíquetes também aumentou. Em 2021, a média pretendida de gasto foi R$ 179. Já, em 2022, o valor é de aproximadamente R$ 187.

Outro dado relevante do levantamento diz respeito às formas de compra dos consumidores. A grande maioria deles, 52,3%, pretende comprar o seu presente do Dia dos Pais em lojas físicas. Menos da metade dos entrevistados, ou seja, 17,2%, preferem fazer compras em lojas virtuais. Ao passo que, 30,5% deles disseram que vão acessar ambas as formas na hora de fazer as suas compras.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui