Palácio de Cristal - Petrópolis / O Palácio foi presente do Conde D'Eu à sua esposa, a Princesa Isabel. É uma das principais atrações da cidade imperial.

A secretaria de saúde da Cidade Imperial publicou boletim epidemiológico dando conta de que já testou 131.444 pessoas para detecção da Covid-19, levando em consideração tanto os testes rápidos quanto testes PCR (“swabs”). Destes testes, 25.216 deram resultado positivo.

Na sexta-feira santa (ontem), 153 pessoas estavam internadas em UTI, seja em leitos particulares ou em públicos. 216 pessoas estavam em leitos comuns, os chamados “leitos clínicos”. No total, são 369 pessoas internadas na rede da cidade. O percentual de ocupação dos leitos de UTI chega a 98,13%, o que deixa o município muito próximo de um colapso, segundo especialistas. A cidade mantém atualizado um painel online, com seus números de saúde na pandemia do novo coronavírus. O site pode ser acessado aqui.

O número de óbitos na cidade atingiu as sete centenas. Tudo isso em meio a denúncias deu que os protocolos de vacinação na cidade têm sido desrespeitados. Recentemente um vídeo circulou na internet mostrando uma técnica de enfermagem retirando a seringa, já com o líquido imunizante, de dentro de uma caixa térmica e entregando-a a uma segunda técnica, que aplica a injeção numa idosa que já se encontrava em pé, aguardando, sem demonstrar claramente todo o procedimento. A Prefeitura, todavia, defendeu a técnica de enfermagem, dizendo que “não houve dolo”, embora o procedimento tenha sido reconhecido como irregular.

Na última terça feira, Petrópolis adotou medidas restritivas, como a suspensão de todas as atividades não essenciais. A medida vale até a próxima segunda-feira, dia 5 de abril, porém ainda não se sabe se a prefeitura irá prolongar as restrições, muito embora a cidade tenha entrado em “bandeira roxa”, por conta do risco muito alto que tem representado seus índices de óbitos e internações.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui