FOTO: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Secretaria de Polícia Civil (SEPOL) por meio da Força Tarefa e a Delegacia do Consumidor (DECON) interditaram nesta quarta-feira (09/12) três lojas de distribuição e comércio de cestas básicas em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

A ação policial tem o objetivo de sufocar as fontes de renda da milícia e interromper o comércio de serviços ilegais que geram lucros suntuosos para o grupo. De acordo com as investigações o comércio de cestas básicas é uma das fontes financeiras da milícia para lavagem de dinheiro. A estimativa da polícia é de que os três depósitos interditados faturem cerca de R$ 500 mil mensais.

Todos os responsáveis pelos estabelecimentos interditados são alvos de investigação na especializada. Nas três lojas foram encontrados várias irregularidades como ausência de notas fiscais do produto, ausência de autorização da vigilância sanitária, entre outras.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui