Lindberg Farias Lindberg Farias (PT) é mais um dos candidatos ao Senado a responder aquela que acho a principal pergunta a ser feita a qualquer candidato: “por que almeja este cargo?

 

Para quem não sabe Lindberg foi prefeito de Nova Iguaçu por 2 vezes, tendo saído da prefeitura no meio do mandato para tentar a corrida ao Senado.

Por que Lindberg Farias quer ser Senador?

Desde os tempos de líder estudantil dos caras-pintadas, meu trabalho está diretamente ligado à construção de uma sociedade mais justa, onde todos tenham as mesmas oportunidades, vivendo num país soberano dentro do cenário mundial.

 

Em minha vida de luta, fui eleito deputado federal duas vezes, e recebi nota 10 do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP). Fui prefeito de Nova Iguaçu, reeleito no primeiro turno com 65% dos votos. Este ano, o presidente Lula, pessoalmente, me deu a missão de concorrer ao Senado, de acordo com o projeto político do Partido dos Trabalhadores (PT) para o Rio de Janeiro.

 

Em seus oito anos de governo, o presidente Lula mudou o Brasil, fez pelo povo do nosso país mais do que qualquer outro presidente já tinha feito. O Governo Lula promoveu – ao mesmo tempo – crescimento econômico e redistribuição de renda, desenvolvimento com justiça social. Com Lula e Dilma, 31 milhões de brasileiros entraram para a classe média, 24 milhões saíram da pobreza absoluta e 13 milhões conquistaram emprego com carteira assinada.

 

Temos que continuar nesse rumo, pois sabemos que está dando certo. Não podemos de forma alguma deixar o Brasil andar pra trás, não podemos pôr em risco as conquistas do nosso povo e do nosso país. E temos que conquistar ainda mais.

 

No Senado, vou lutar pela ampliação dos investimentos em nossos municípios. Em setores como segurança, saúde, educação, infraestrutura, transporte, entre outros, há muita coisa que precisa ser feita, principalmente pelos que mais precisam. Eu quero e posso fazer isso.

 

Não há outro candidato que tenha experiência combinada com juventude. Eu tenho. E também tenho um compromisso com o Presidente Lula e com a futura Presidente Dilma de levar à frente as mesmas bandeiras que eles têm levado. Tenho o compromisso de tirar o povo da pobreza e acabar de vez com a miséria em nosso país.

 

O Rio precisa de muita união, de muita força em Brasília. Comigo no Senado, Cabral no Governo do Estado e Dilma na Presidência da República, teremos grande capacidade de articulação. Só assim podemos enfrentar questões urgentes como a temida e injusta redistribuição dos royalties do petróleo e os investimentos necessários para a realização da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016.

 

Por tudo isso, quero ser senador. Quero ser a sua voz no Senado Federal, em Brasília, para defender o desenvolvimento do estado do Rio e melhorar a vida dos que mais precisam.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui