Porta dos Fundos ironiza prefeito Crivella

Segunda-feira, você sabe, é dia de Porta dos Fundos, e um lugar comum do canal de humor é a blasfêmia. No de hoje um Deus Mafioso, interpretado por Fabio Porchat, conversa com um pastor que não estaria entregando dinheiro suficiente. Até aí, uma esquete engraçada e muito melhor que as últimas do grupo.



Mas a cereja do bolo, foi quando Deus aparece pedindo para um pastor ser prefeito do Rio (Felipe Ruggeri) e mais, que ele não faça nada e que ainda acabe com o carnaval. Qualquer semelhança não é mera coincidência:

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here