Hotel Glória, um ícone do Rio de Janeiro
O Hotel Glória foi vendido por 90 milhões de reais, junto com pelo menos outros dois imóveis históricos. Especialistas esperam grande valorização no entorno.

O Hotel Glória, na Zona Sul do Rio de Janeiro, já pode ter outra destinação diferente da original. O prefeito Eduardo Paes autorizou, na última semana, que o edifício possa ser usado como prédio de escritórios e residencial. A autorização para a transformação do Glória, primeiro hotel 5 estrelas do Brasil, de hotel em prédio residencial e de escritórios pode dar início à mudanças em outros empreendimentos da categoria. Apesar da autorização concedida, o edifício novo que surgirá das ruínas do hotel será exclusivamente residencial, por opção do empreendedor.

O Hotel Glória, que está fechado desde 2013, foi comprado pelo Grupo Opportunity, de Daniel Dantas. Em 2020, tiveram início as reformas do Glória para transformá-lo em um empreendimento residencial, com mais de 250 unidades com conceito de apartamento tipo casa, com espaço amplo de um a quatro quartos, jardim e área de até 314 metros quadrados.

Conforme foi noticiado pelo Diário do Rio, em 29 de maio de 2020, o Grupo Opportunity, na ocasião da compra do Glória, reafirmou o seu compromisso de preservar histórica do Hotel.

O Opportunity Fundo de Investimento Imobiliário fechou acordo para compra do imóvel onde funcionou o Hotel Glória. A aquisição deve contar também com a participação da SIG Engenharia, incorporadora e construtora tradicional no mercado carioca. Os estudos estão sendo desenvolvidos para que tenhamos unidades residenciais, permitindo aos moradores viverem num empreendimento como se estivessem num hotel, atendendo muitas das necessidades da vida moderna. Há muito a ser feito ainda. Queremos preservar a memória do Hotel que completará 100 anos de construção em breve. Vamos trabalhar para resgatar um patrimônio muito importante da cidade. Os projetos iniciais serão apresentados para a prefeitura e órgãos de patrimônio nos próximos meses”, afirmou Jomar Monnerat de Carvalho, gestor do fundo.

De acordo com dados do Sindicato dos Meios de Hospedagem do Município do Rio de Janeiro (HotéisRIO), a cidade do Rio Janeiro conta com outros 11 empreendimentos que podem passar pela mesma transformação do Hotel Glória.

O Hotel Glória, que é tombado pelo Patrimônio Histórico, completa 100 anos em 2022. Ele foi construído para a realização da Exposição Nacional em comemoração ao Centenário da Independência do Brasil, em 1922.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui