Divulgação: Prefeitura

O projeto de arborização urbana da cidade do Rio de Janeiro será retomado nesta quarta-feira (24/02), através da realização da 1ª reunião do comitê responsável pelo Plano Diretor de Arborização Urbana (PDAU RIO), cuja finalidade é monitorar, conservar e expandir o número de árvores pela cidade.

A Fundação Parques e Jardins (FPJ) coordenará o encontro, que contará com as participações de representantes das secretarias do Meio Ambiente, Fazenda e Conservação, Rioluz, Geo-Rio, Instituto Rio Patrimônio da Humanidade (IRPH), COMLURB, CET Rio e Instituto Pereira Passos (IPP).

O PDAU Rio foi elaborado em 2015, mas nunca saiu do papel. A nova administração do órgão está comprometida em implementá-lo a partir deste primeiro encontro, ocasião na qual será elaborado um cronograma de ações.

A prioridade do plano é a arborização das zonas Norte e Oeste da cidade, regiões com os maiores déficits de árvores do Rio. Um dos focos do plano de arborização é estímulo à produção de mudas no Rio, uma vez que grande parte das espécies plantadas na cidade são provenientes de outros estados.

O encontro será transmitido, ao vivo, pelo canal da Fundação Parques e Jardins no YouTube, às 10h30.

Arborização urbana

O Plano Diretor de Arborização Urbana (PDAU RIO) é resultado do trabalho de uma equipe multidisciplinar atuante na arborização e em demais áreas verdes do Rio, e representa o primeiro passo na consolidação do planejamento da arborização da cidade. Aprovado pelo Decreto nº 42.685/2016, é o documento técnico que define as diretrizes necessárias para a implantação, monitoramento, avaliação, conservação e expansão da arborização urbana em logradouros públicos, praças e parques urbanos.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui