A Prefeitura do Rio lançou nesta quarta-feira (02/06) o programa BRT Seguro, que será responsável por reforçar o patrulhamento nas estações deste meio de transporte com a presença de guardas municipais e policiais militares. A primeira fase do projeto prevê um total de 28 estações patrulhadas, além da implementação de rondas móveis pelas calhas do sistema viário com os objetivos principais de oferecer segurança aos usuários, combater a evasão de passagens (calotes), atos de vandalismo, além de promover o ordenamento.

O BRT é muito simbólico. Bem operado, é um sistema que funciona muito bem. O esforço que a gente faz, que não tem mágica, é para devolver o BRT à população, para que tenha qualidade de vida – declarou o prefeito Eduardo Paes (PSD), anunciando que as obras do corredor Transbrasil serão retomadas em agosto, com estimativa de conclusão até o fim do ano que vem.

“Já faz quatro anos que estas leis foram sancionadas e nunca puderam ser postas em prática porque faltava fiscalização. Espero que agora elas finalmente sejam aplicadas e que os agentes do BRT Seguro possam coibir os calotes e as depredações”, disse o vereador Felipe Michel (PP).

Com o lançamento do projeto, 12 estações já receberam o patrulhamento. A previsão é a de que, em até 15 dias, outras 16 já estejam contempladas. Cada estação será patrulhada das 7h às 19h por três policiais militares e, no intervalo entre 19h e 7h, a segurança será feita por rondas móveis que percorrerão as calhas do BRT.

Coordenado pela Secretaria de Ordem Pública (SEOP), o programa contará com 96 policiais militares por dia, que atuarão nas folgas por meio de inscrição no Programa Estadual de Integração na Segurança (PROEIS), além de 30 guardas municipais, que estarão presentes nos três corredores do sistema: Transcarioca, Transoeste e Transolímpica.

Vale ressaltar que todos os profissionais integrantes do projeto passaram por um curso de qualificação para atuar no BRT Seguro. E o efetivo de policiais poderá ser readequado de acordo com a demanda das estações.

O programa BRT Seguro é muito importante para que o cidadão utilize o BRT com tranquilidade e tenha segurança nas estações. A prefeitura tem compromisso com a segurança do cidadão. É o nascimento de um projeto fruto de muito trabalho e inteligência – afirmou o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale.

Ontem (terça-feira – 01/06), durante ação de reconhecimento da área, uma equipe do BRT Seguro deteve quatro pessoas acusadas de furto e receptação de corrimão em estação de Santa Cruz.

Ao lado de vários vereadores, o presidente da Câmara Municipal do Rio, Carlo Caiado (DEM), afirmou que o programa “não é somente de segurança pública, trata-se também de inclusão social”.

É um momento marcante para a nossa cidade. Que as pessoas possam entrar no BRT com muita tranquilidade. Quem comete atos de vandalismo vai saber que a prefeitura está presente – frisou Carlo Caiado.

1 COMENTÁRIO

  1. Esperam o sistema degradar e cair em descrédito para então encampar e tomar esse tipo de medida revitalizadora. A ordem dos fatores é toda trocada. Em primeiro lugar, se o projeto é tão bom, deveria ter sido posto em prática desde a inauguração! Ou não se sabia já na abertura de que o sistema permitia que os “ixxxxpertus” poderiam entrar nas estações pulando catraca ou trepando pela saída?

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui