População caminhando na orla da Zona Sul do Rio - Foto: Buda Mendes/Getty Images

Nesta sexta-feira (10/09), a Prefeitura do Rio prorrogou as medidas restritivas na cidade até o dia 20 de setembro, mas com algumas alterações, fazendo um afrouxamento no distanciamento social. O decreto publicado pelo prefeito Eduardo Paes permite ainda a solicitação para eventos-teste.

Para a realização de um evento-teste, o público, colaboradores, artistas, expositores e demais integrantes da produção precisam concordar em participar do evento-teste; ter testado negativo nas 48 horas anteriores ao evento; ter apresentado comprovação de esquema vacinal; e ficar apenas em locais abertos.

O protocolo é semelhante ao sugerido pelo Flamengo para o retorno da torcida ao Maracanã. O primeiro jogo dos três de teste com público nas arquibancadas será na próxima quarta-feira (15/09).

Confira o que mudou nas medidas:

Academias, piscinas e centros de treinamento:

  • O distanciamento mínimo passou de 4 metros para 1 metro.

Lojas, serviços, cinemas, pontos turísticos, parques e museus:

  • Lotação máxima de 60%, independentemente de ser em local aberto ou fechado;
  • O distanciamento mínimo passou de 1,5 metro para 1 metro.

Confira o que foi mantido nas medidas:

Bares, lanchonetes, restaurantes e quiosques

  • permissão para consumo apenas de clientes sentados com distância mínima de 1,5 metro;
  • música ao vivo permitida.

Casas de espetáculo, concertos, apresentações e rodas de samba

  • permitidos, com distanciamento mínimo de 1 metro entre participantes;
  • lotação máxima de 60%, apenas com público sentado.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui