Polícia Militar do Rio de Janeiro
Reprodução Internet

Levantamento elaborado pela Subsecretaria de Inteligência da Polícia Militar revela  que, nos seis primeiros meses do ano, foram apreendidos 262 fuzis, registrando um aumento de 67% do número dessas armas de guerra apreendidas no mesmo período do ano passado.

É um saldo operacional que nos orgulha muito, pois demonstra o empenho de toda a Corporação, dos comandantes que planejam nossas operações aos nossos policiais, praças e oficiais, que estão na linha de frente combatendo diariamente  os criminosos. Mas não podemos deixar de expressar nossa preocupação com a grande quantidade dessas armas que são contrabandeadas para o nosso estado – afirmou o secretário de Polícia Militar, coronel Rogério Figueredo de Lacerda, ao receber o levantamento da SSI.

Ele refere-se ao fato de que praticamente todos os fuzis apreendidos hoje pela Polícia Militar são fabricados no exterior e contrabandeados pelo crime organizado. Em média, a cada dois dias, são apreendidos três fuzis, armas de alto poder destrutivo, utilizadas em guerras convencionais, e que chegam às mãos de criminosos entrincheirados em comunidades da Região Metropolitana e também em alguns municípios do interior. 

Os 262 fuzis fazem parte do universo de 4.236 armas de fogo apreendidas pela Polícia Militar no primeiro semestre, a maioria delas pistolas automáticas (muitas igualmente contrabandeadas) e revólveres. O número total de armas apreendidas foi 11% maior do que o registrado no mesmo período do ano passado. 

O número de prisões e apreensão de adolescentes envolvidos em atividade criminosa também superou o contabilizado no ano passado. De janeiro a junho deste ano, foram efetuadas 17.790 prisões e 3.031 apreensões, contra, respectivamente, 14.060 e 2.750 registradas no mesmo período do ano passado. 

AUMENTO DO SALDO OPERACIONAL – JAN/JUN 2019 – JAN/JUN 2018:              

PRISÕES: + 26%
APREENSÕES: + 10%
ARMAS APREENDIDAS:+ 11%
FUZIS APREENDIDOS: + 67%

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui