Processo de revitalização dos Arcos da Lapa entra na última fase; trânsito na região sofrerá alterações

Mudanças no trânsito local vão até o dia 06/06; monumento é um dos principais pontos turísticos do Rio

Arcos da Lapa - Foto: Cleomir Tavares/Diário do Rio

A partir desta quarta-feira (04/05), o Aqueduto da Carioca, popularmente conhecido como Arcos da Lapa, um dos principais pontos turísticos do Rio de Janeiro, entra na última fase do processo de revitalização pelo qual está passando.

Comandada pela Secretaria Municipal de Conservação (Seconserva), a intervenção terá, nesta nova etapa, raspagem, limpeza e aplicação de cal no monumento. A previsão é que, no início de junho, o Aqueduto tenha recuperado o tom intenso de branco que chama a atenção na paisagem da cidade.

O serviço, sob a responsabilidade da Gerência de Monumentos e Chafarizes, está orçado em cerca de R$ 1,3 milhão. As equipes começaram retirando as pichações espalhadas em vários pontos dos Arcos, bem como removendo o limo que se formou em alguns trechos da superfície, por conta da umidade provocada pelas chuvas.

A ação inclui, além de trabalhadores em andaimes, alpinistas industriais, que ficam pendurados a mais de 17 metros do chão para alcançar a parte superior da estrutura, fazendo decapagem com espátula e escova de aço. Na sequência, é aplicada a massa e feita a caiação das extremidades.

”Os Arcos não passavam por uma revitalização desse porte há mais de 5 anos. Estamos trabalhando em um bem tombado, que é muito amado pelos cariocas e uma das atrações mais visitadas por turistas do mundo inteiro. Zelar por nossos monumentos é preservar a história da nossa cidade e do povo carioca”, destaca a secretária Anna Laura Valente Secco.

E a Seconserva ressalta também que o trabalho não se concentra apenas nos Arcos em si. Segundo a pasta, a área ao redor do monumento, como o pavimento da Praça Cardeal Câmara e o passeio em pedras portuguesas do entorno também estão sendo recuperados. Além disso, os 2 painéis do artista Selarón passam por manutenção, com pichações removidas.

Trânsito afetado

Com a manutenção nos Arcos, o trânsito na região sofrerá algumas alterações, sendo necessária a interdição parcial da Avenida Mem de Sá no trecho adjacente ao Aqueduto. De acordo com a CET-Rio, isso se dará, ininterruptamente, da seguinte maneira:

  • Faixa junto ao bordo direito no sentido Rua do Lavradio, ao longo da Praça Cardeal Câmara, de 04 a 21 de maio;
  • Faixa junto ao lado direito no sentido Aterro do Flamengo, entre a Rua Riachuelo e a edificação nº 39, de 04 a 21 de maio;
  • Faixa junto ao lado esquerdo no sentido Rua do Lavradio, ao longo do canteiro central, de 22/05 a 06/06;
  • Faixa junto ao lado esquerdo no sentido Aterro do Flamengo, ao longo do canteiro central, de 22/05 a 06/06.

Vale ressaltar que as condições do trânsito local serão regularmente monitoradas pela Prefeitura quanto a eventuais impactos, e os tempos semafóricos serão ajustados para melhorar a fluidez na rota e nos principais corredores de tráfego da região.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. 1.3 mil para raspar e caiar com cal? Brincadeira isso?
    Há anos há tintas especiais, anti-pichação, que seriam mais eficientes.
    Mal terminam de pintar já está imundo. Calçadas imundas, cheirando urina e fezes.
    Falta de segurança aos passantes. Isso porque é um dos cartões postais do Rio.
    É lamentável tanto descaso e cara de pau da Senhora Secretária Anna.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui