Foto: Gerson Gomes

Pelo jeito o PSLdo Rio de Janeiro quer continuar entre os mais votados do estado. De acordo com Claudio Magnavita, do Correio da Manhã, o partido garantiu em suas fileiras o clã Brazão, o grupo do prefeito de Belford Roxo, Waguinho, com o deputado federal Chiquinho, o estadual Pedro e o vereador do Rio Waldir, e o clã Garotinho, que conta com o ex-governador, a deputada federal Clarissa Garotinho e o prefeito de Campos, Wladimir Garotinho. E, claro, todos os políticos que rondam esses nomes poderosos da política fluminense.

E quem vai presidir o partido no estado, diz Berenice Seara/Extra, é Waguinho. Levanto junto sua esposa Daniela do Waguinho, além do deputado estadual Márcio Canella. O atual presidente estadual, Sargento Gurgel.

Se confirmada a ida destes 3 clãs, o PSL garante voto no Norte Fluminense, com os Garotinho, na Baixada, com os Waguinho, e parte da Zona Oeste do Rio, com os Brazão. É uma votação de respeito, e que vários candidatos a governador e senador vão brigar para estar ao seu lado.

O partido assim se afasta do Bolsonarismo Raiz, que tem figuras como a deputada estadual, Alana Passos (PSL), que quer ser candidata ao Senado. Ela e outras figuras do partido devem seguir Jair Bolsonaro para o partido que ele for, por mais que ele demore na decisão;

1 COMENTÁRIO

  1. Esse PSL.. vamos ver para qual lado o povo irá se inclinar depois da ótima lembrança de algumas gestões. Pelo visto, esse partido já ta notando isso e investindo em figurinhas carimbadas.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui