Foto: Rafael Campos/Governo do RJ

Uma das melhores ações para o combate a fome já criado no Rio de Janeiro, foi o Restaurante Popular, quando Anthony Garotinho era governador. Ação que depois acabou sendo descontinuada por motivos políticos, retornou com força recentemente. Este é o caso do Restaurante do Povo, em Duque de Caxias, que ofereceu mais de 440 mil refeições desde março deste ano, quando foi reinaugurado.

O local estava desativado há cinco anos, mas após a reativação passou a oferecer cerca de 4 mil refeições diariamente a baixo custo. O café da manhã custa R$0,50 e o almoço, R$1. Nesta terça-feira (10/08), o governador Cláudio Castro (PL) visitou o local pela primeira vez após a reabertura onde almoçou e experimentou o prato do dia: strogonoff de frango.

O restaurante do povo já está beneficiando milhares de pessoas e nós não vamos medir esforços para atender esses cidadãos e oferecer uma melhor qualidade de vida – destacou o governador.

A aposentada Iracy Gomes da Silva, de 82 anos, moradora do bairro Pantanal, em Duque de Caxias, aprovou o serviço.

Todos os dias eu almoço aqui, acho a comida muito boa e é uma forma de economizar um pouco. Como sou aposentada e tomo muitos remédios, não sobra muito dinheiro para as outras necessidades – disse a idosa.

A dona de casa Maria do Socorro, de 57 anos, moradora de Jardim Olavo Bilac, também em Caxias, viu no restaurante uma boa alternativa para economizar.

Eu não tenho renda, lá em casa só temos o salário do meu marido que faz serviços gerais em uma escola, então acaba sendo uma economia almoçar de segunda a sexta aqui no Restaurante do Povo – afirmou Maria do Socorro.

O local foi totalmente reformado e apresenta um ambiente arejado. O espaço, localizado no Centro de Duque de Caxias, funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 15h. O Restaurante do povo é uma parceria do Governo do Estado com a prefeitura da cidade. Também estão em funcionamento as unidades de Bangu, Bonsucesso, Campo Grande, Volta Redonda, Niterói e Campos dos Goytacazes.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui