Foto: Divulgação

Quando se planeja subir a Serra, o primeiro pensamento que vem à cabeça são os momentos de tranquilidade e sem o corre-corre das cidades grandes. E se também fosse possível encontrar lazer e diversão temática? Essa é a proposta do restaurante Viking Axes Brasil. O estabelecimento volta a abrir as portas cheio de novidades no cardápio, na decoração e, é claro, na principal atração do local: o arremesso de machados, um esporte milenar de origem canadense e que tem tudo para se tornar uma febre por aqui.



Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

Fechado em meados de 2019 por conta de uma mudança do quadro societário, o local reabre no dia 5 de novembro com novidades, direcionadas para o mesmo público: moradores da cidade, turistas e membros de moto clubes que curtem uma boa dose de adrenalina entre um drink e outro.

O arremesso de machados é o principal atrativo que traz as pessoas ao Viking Axes, mas o universo viking do restaurante, com todas as suas referências tanto na parte gastronômica quanto no ambiente, são outra atração para quem vem aqui. Queremos oferecer uma experiência, e não apenas ser um local onde as pessoas brinquem com machados. O objetivo é que todos se sintam como verdadeiros vikings”, comenta Philippe Blackman, sócio do local.

Mas a temática viking não para por aí. Além de um backdrop temático para fotos, o local conta com um trono todo estilizado e vários acessórios para homens, mulheres e crianças se sentirem como verdadeiros guerreiros e exploradores nórdicos, como barba, chifre, coroas, espada, chinelo, capa de pele e, é claro, um machado.

Já o cardápio de comidas e drinks, que agora chega impresso em um pergaminho de couro, foi totalmente reformulado e será temático. As bebidas terão três categorias: Contemporânea, Tradicionais e Bárbaras (vikings). Quando o cliente pedir um Chopp, o garçom irá perguntar se ele deseja beber na caneca de vidro (em forma de caveira) ou no chifre. E, para saborear, entre as opções terão petiscos, tábuas e frigideiras, burgers, caldos, guarnições, molhos e sobremesas.

Arremesso de machados

Muito praticado em países como Canadá, Estados Unidos e França, o arremesso de machados é uma atividade quase inédita no Brasil, especialmente no Estado do Rio, encontrada apenas no Viking Axes. Ela pode ser praticada por homens e mulheres como forma de aliviar o estresse ou propor uma divertida recreação, de forma extremamente segura.

Alguns pensam se tratar de um show, mas não é. Todos podem praticar, mesmo sem nenhuma experiência anterior. Temos um instrutor e os arremessos acontecem em uma área restrita do restaurante, porém visível para todos os clientes”, esclarece Tiago Sena, também sócio do restaurante. Nesse local separado, há quatro espaços para arremesso e no máximo quatro pessoas, uma em cada baia, podem ficar no local, além do instrutor. “O esporte consiste em lançar um machado em alvos de madeira a uma distância de 12 pés mínimo e máximo 15 pés. Imagine jogar dardos, só que com mais emoção, muito mais emoção”, complementa.

Vale lembrar que o Viking Axes Brasil é filiado ao World Axe Throwing League (WATL), principal liga de arremesso de machado do mundo, e segue todas as regras oficiais definidas para esporte, inclusive sobre o tipo de machado usado no local.

Com o crescimento da modalidade no mundo, há hoje modelos especificamente criados para a prática, em especial os que são vendidos pela própria WATL. Por aqui optamos por um modelo mais leve e com a lâmina mais estreita para reduzir o desgaste das madeiras dos alvos e para que possam ser utilizados por todos”, conclui Augusto Figueiredo, sócio-fundador do Viking Axes.

A reabertura acontecerá seguindo todos os protocolos de segurança. Além disso, o Viking Axes terá em todas as mesas um display de álcool em gel, a entrada do local contará com tapetes de sanitização e haverá controle de temperatura para todos, desde funcionários até os clientes.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui