Universidade Federal do Rio de Janeiro vista de cima (Foto: Reprodução Internet)

Um levantamento feito pela revista norte-americana Public Library of Science (Plos) revelou que 61 cientistas da UFRJ estão entre os mais influentes do mundo em suas respectivas áreas de atuação.



Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

Ao todo, 161.441 pesquisadores foram listados, sendo 853 brasileiros. Dois rankings foram produzidos: um com os mais citados ao longo da carreira e outro com os mais citados no ano de 2019. O estudo foi possível com o auxílio da base de dados Scopus.

A reitora da UFRJ, Denise Pires de Carvalho, comemora e afirma que a Universidade tem mais pesquisadores de renome global.

“É uma grande honra para a UFRJ ter pelo menos 61 cientistas nessa lista dos mais influentes do mundo. Esse número é certamente maior, porque essas questões dependem muito de qual análise é feita. Mas parabenizo todos esses 61 e os demais cientistas que têm renome nacional e internacional que porventura não estejam na lista. Que todos continuem enaltecendo a ciência e as instituições públicas do nosso país! Salve a ciência brasileira!”, celebra.

Logo depois da última assembleia do Conselho Universitário (Consuni) deste ano, haverá uma sessão solene que homenageará os pesquisadores. O evento virtual está sendo organizado pelo Colégio Brasileiro de Altos Estudos (CBAE) e acontecerá no dia 17/12, às 13 horas. A webTV UFRJ fará a transmissão ao vivo do evento no mesmo link da sessão do Consuni.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui