Foto Bernardo Cordeiro

Quem está indo vacinar contra a Covid-19 no Rio protege sua saúde e também pode ajudar os que sofrem com a fome ocasionada pela pandemia. Esse é o objetivo da Rio Contra a Fome, que já arrecadou mais de 20 toneladas de alimentos em 18 dias de campanha. Todos os pontos municipais de vacinação, são mais de 250 espalhados pela cidade, estão recebendo as doações de itens da cesta básica. A Secretaria Especial da Juventude Carioca (JUVRio) está a frente da campanha, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e a Secretaria Especial de Ação Comunitária (SEAC), recebendo as doações, organizando a logística e atuando como facilitadora com os coletivos e organizações da sociedade civil parceiras, que ficam responsáveis pela distribuição dos alimentos.  

Os itens já estão sendo encaminhados para mais de 60 coletivos e organizações da sociedade civil que vão distribuir às famílias que estão passando por insegurança alimentar nas favelas e periferias. A JUVRio abriu formulário para cadastrar mais coletivos e organizações que desejam aderir à Rio Contra a Fome. Já foram mais de 100 interessados e o cadastro continua aberto até dia 26, no link. Alguns dos critérios para poder participar da campanha são: já atuar há pelo menos um ano na mitigação dos efeitos do vírus nas favelas e periferias; possuir uma lista de famílias mapeadas para serem atendidas com as doações de alimentos; e a área de atuação.

Todos os pontos municipais de vacinação continuam recebendo doações, incluindo aqueles que funcionam apenas no sistema de drive-thru. Os itens de cesta básica prioritários são arroz, feijão, fubá, açúcar, óleo de cozinha, leite em pó e sabonetes. Salvino Oliveira, secretário da JUVRio, destacou que a meta é aumentar de forma exponencial as doações e famílias auxiliadas. “Com a diminuição na faixa etária do calendário de vacinação mais pessoas vão comparecer aos pontos e mais doações serão feitas até que toda a população carioca esteja vacinada. Continuem divulgando a Rio Contra a Fome para parentes e amigos, não vamos deixar essa corrente de solidariedade perder força”, explicou.

A lista completa de pontos e calendário de vacinação municipal está disponível em https://coronavirus.rio/vacina/

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui