Oito mil mudas da Mata Atlântica serão plantadas pela cidade (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Em comemoração a Semana da Árvore, espécies da Mata Atlântica serão plantadas até sexta-feira (24/09) em dez locais de diferentes regiões da cidade. A iniciativa da Secretaria Municipal de Meio Ambiente do Rio começou nesta segunda-feira (20/09), no Canal de Marapendi, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste e no Morro da Igreja, no Andaraí, na Zona Norte. Ao todo, serão 8 mil muda. As ações terão a colaboração de voluntários.

O Parque Radical de Deodoro, tanbém na Zona Oeste, que abriga a Floresta dos Atletas, receberá a maior quantidade de mudas, no mutirão que começa nesta terça-feira (21/09), Dia da Árvore. O terreno foi preparado, com a retirada de leucenas, espécie exótica invasora, e receberá plantas nativas da Mata Atlântica, como sibipiruna, ipês, grumixama, pitanga, entre outras. Haverá plantios também na Colônia Juliano Moreira (Jacarepaguá), no Mirante do Mundo Novo (Laranjeiras) e no Parque de Grumari. Em caso de chuva leve, os eventos estão mantidos.

Começa nesta terça-feira (21/09) também a campanha “Sangue é Vida”, do Hemorio em parceria com a Fundação Parques e Jardins, para incentivar a doação de sangue, que reduziu em mais de 20% no último ano, devido à queda do número de doadores por conta da pandemia do coronavírus.

Até 4 de outubro, que é o Dia da Natureza, o número total de bolsas de sangue coletadas será convertido em mudas de árvores urbanas, destinadas a novos plantios nas regiões menos arborizadas do Rio. Atualmente, a cidade conta com um déficit de 1 milhão de árvores urbanas, principalmente nas zonas Norte e Oeste.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui