Marcelo Crivella, assinou na última quarta-feira (10/10), o contrato que vai permitir ao Rio sediar os Jogos Pan-Americanos Master em 2020. A expectativa é a de que entre atletas e turistas, os Jogos atraiam cerca de 20 mil visitantes, que, juntos, injetarão cerca de R$ 150 milhões na economia local. O evento será realizado entre os dias 4 e 13 de setembro de 2020 e contará com a participação de atletas não-profissionais acima de 30 anos.

O Presidente da International Master Games Association (IMGA), o dinamarquês Kai Holm, celebrou a formalização do acordo para a próxima edição do evento, que contará com 26 modalidades esportivas e competições realizadas nas zonas Norte, Sul e Oeste da cidade, respectivamente, nos bairros do Maracanã, Copacabana, Barra da Tijuca e Deodoro.

A cerimônia para a assinatura do contrato reuniu dezenas de atletas masters no Palácio da Cidade, como o presidente da Confederação Brasileira de Basquete Master Carlos Fontenelle. Aos 61 anos, 48 deles dedicados ao esporte, o tricampeão mundial da categoria celebrou os impactos positivos na realização do evento na cidade.

SOBRE A ESCOLHA DO RIO COMO SEDE

O Rio de Janeiro garantiu o direito de sediar a competição ao vencer, em abril, a disputa entre Cali, na Colômbia, e Cleveland, nos Estados Unidos, em cerimônia realizada na Nova Zelândia. Na semana passada, a Prefeitura do Rio conseguiu, junto à Casa Civil, a liberação dos US$ 100 mil oriundos dos royalties do petróleo necessários para a assinatura do contrato.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui