Imagem meramente ilustrativa da CoronaVac, imunizante contra a Covid-19 - Foto: Reprodução

A aplicação de segunda dose do imunizante CoronaVac está suspensa no município do Rio de Janeiro. A secretaria de Saúde informou que, até que sejam liberadas as 166 mil doses do lote que foi suspenso para uso, de forma cautelar, pela ANVISA, a aplicação está temporariamente paralisada.

No início de setembro, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu de forma cautelar lotes CoronaVac depois que mais de 12 milhões de doses foram envasados em fábrica não autorizada pelo órgão.

Esta não é a primeira vez que o Rio interrompe a aplicação de segunda dose de Coronavac. No dia 02 de setembro, a falta do imunizante fez com que a secretaria de Saúde suspendesse a vacinação para as pessoas que previsavam completar o ciclo vacinal com CoronaVac.

Vacinação de adolescentes

A Secretaria municipal de Saúde do Rio informou que a vacinação dos adolescentes de 14 anos, já marcada para esta quinta e sexta-feira (16 e 17/09), está mantida. Nesta quarta-feira (15/09), o Ministério da Saúde publicou uma nota informativa em que volta atrás sobre a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades. A nova orientação do ministério é que não seja feita a vacinação deste grupo.

No entanto, a secretaria de Saúde do Rio destaca que a recomendação do Ministério da Saúde leva em consideração o momento de escassez de vacinas.

Sobre o atendimento aos meninos e meninas de 13 e 12 anos, a pasta informou que o tema será submetido ao Comitê Especial de Enfrentamento à Covid-19, que avaliará as ponderações do Ministério da Saúde na próxima quarta-feira (22/09).

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui