Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Paralelamente ao calendário inicial de aplicação da terceira dose da vacina contra a Covid-19, divulgado na noite da última quinta-feira (26/08), a Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou, na manhã desta sexta (27/08), que, também em setembro, haverá uma repescagem geral de imunização na cidade para todas as idades.

Isso se faz necessário pois, segundo cálculos do Poder Executivo municipal, quase 200 mil pessoas ainda não receberam a segunda dose (D2) do imunizante.

”Quase 200 mil pessoas não foram tomar a segunda dose. Onde é que essas pessoas estão com a cabeça? Elas estão andando na Terra Plana e aí, de repente, caíram do outro lado e não voltaram? Vamos nos conscientizar e tomar a vacina”, criticou o prefeito Eduardo Paes (PSD).

Já em relação a primeira dose (D1), Paes revelou que 30 mil idosos ainda não foram imunizados. Mesmo sendo um número considerado pequeno se comparado com a quantidade total de pessoas dessa faixa etária, há preocupação com o assunto.

”Trinta mil idosos no Rio ainda não receberam a primeira dose. Esse é um percentual pequeno em relação ao total de idosos? Sim, mas são 30 mil pessoas com mais de 60 anos expostas à Covid sem nenhuma proteção e que deverão ocupar os leitos hospitalares. Quem não se vacinou coloca todos em risco”, disse.

Vale lembrar que, conforme divulgado pela Prefeitura, no dia 01/09 idosos que vivem em instituições de longa permanência começarão a receber a terceira dose da vacina. Já a partir de 13/09, é a vez de quem tem 95 anos ou mais. O calendário foi divulgado, até o momento, até 30/10, quando serão imunizadas pessoas de 60 anos.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui