Projeto dos vereadores Reimont, Chico Alencar, Paulo Pinheiro, Marcos Paulo, William Siri e Mônica Benício institucionaliza e facilita a permanência de moradores de rua em locais públicos.

Duas unidades da Secretaria Municipal de Assistência Social – o Centro POP Bárbara Calazans e o CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social)Maria Lina de Castro Lima – funcionarão excepcionalmente 24 horas por dia até o próximo sábado (31/07) para atendimento social e encaminhamento da população em situação de rua aos abrigos da Prefeitura. Nos dois locais também estarão disponíveis alimentação, água e peças de combate ao frio, como roupas e cobertores.

Foram criadas emergencialmente, com readaptações na rede, mais 100 vagas nos três principais abrigos da cidade, na Taquara, Ilha do Governador e Paciência, para atender os que necessitarem.

Hoje ainda foi reaberta a Campanha do Agasalho, que no dia anterior distribuiu 1 tonelada de itens de inverno nos abrigos da Prefeitura. “Para que ninguém fique sem agasalhos decidimos abrir novamente para as doações dos cariocas”, anunciou há pouco a secretária Laura Carneiro.

As caixas itinerantes que estavam nas estações do BRT estão sendo colocadas nos dois prédios da Prefeitura do Rio, na Cidade Nova, para que os funcionários municipais também possam doar. Os 14 CREAS da Assistência Social, espalhados pela cidade, receberão as doações da população do Rio. Enquanto o CREAS Maria Lina e o Centro POP Bárbara Calazans estarão de portas abertas para a solidariedade ao longo do dia e da noite. São necessários, além de roupas de frio, sapatos e meias.

Além disso, as equipes de abordagem dos CREAS e o Serviço Especializado em Abordagem Social 24h, que já cuida do atendimento e acolhimento da população em situação de rua que está fora dos abrigos, já intensificaram seus trabalhos nas ruas do Rio com as ofertas de acolhimentos nas unidades de reinserção social. Essas equipes já tinham sido reforçadas na sexta-feira, 23/07, e trabalham em três turnos, de manhã, à tarde e à noite.

SERVIÇO:
Ficarão abertos 24 horas até pelo menos o próximo sábado, 31/07, para atendimento e a recepção de acolhimento à população vulnerável:

– Centro Pop Bárbara Calazans – Rua República do Líbano, 54, Centro.
-CREAS Maria Lina de Castro Lima – Rua São Salvador, 56, 2º andar, Laranjeiras.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui