RJ atinge maior média móvel de novos casos de Covid; número de contaminados é de quase 70 mil

A média móvel de novos casos apresentou nesta quarta um crescimento de 624% em relação a registrada há 14 dias

Movimentação no comércio popular do Saara, no Centro do Rio (Foto: Dikran Junior)

A quarta-feira (19/01) registrou no estado do Rio de Janeiro 69.223 novos casos conhecidos de Covid. O índice atingido representa a maior média móvel de novas contaminações por dia no estado chegando a 17.026, a maior desde o início da pandemia. Os dados foram divulgados pelo portal G1.

Também nesta quarta, o RJ marcou o segundo dia com o maior número de novos casos registrados – perdendo apenas para o dia 19 de setembro. Na ocasião, entretanto, havia acúmulo de casos no sistema por problemas nos registros nos dias anteriores.

A média móvel de novos casos apresentou nesta quarta um crescimento de 624% em relação a registrada há 14 dias.

O número de óbitos por Covid registrado nesta quarta no estado foi 7, com média móvel em 10, um crescimento de 15%, no limite da estabilidade.

Secretaria de Saúde do RJ solicita abertura de 70 leitos no Hospital Estadual Dr. Ricardo Cruz, em Nova Iguaçu

O Governo do Rio de Janeiro solicitou, na última terça-feira (18/01), a abertura de 60 leitos de enfermaria e 10 de unidade de terapia intensiva (UTI) no Hospital Estadual Dr. Ricardo Cruz, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O pedido acontece devido ao avanço da Covid-19.

Na solicitação, realizada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-RJ) à organização social (OS) IDEAS, que administra a unidade, é citada a ampliação de casos ocasionados pelo Coronavírus.

Agora, a IDEAS tem até a próxima segunda (24/01) para detalhar os custos com a ampliação do número de leitos para a assinatura de um termo aditivo.

De acordo com os dados mais recentes no painel da SES-RJ sobre ocupação de leitos, divulgados no último dia 06/01, 10% das UTIs estavam ocupadas. A Secretaria ressalta que os dados são atualizados pelos municípios.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui