Foto: Reprodução/Internet

A cidade do Rio recebeu pouco mais de 365 mil doses da Pfizer, vacina que está sendo utilizada no público adolescente. Contudo, a quantidade de vacinas impossibilita a retorno da imunização no Rio, atualmente suspenso para este público.

Em nota, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que as 365.040 doses da Pfizer foram entregues pelo Ministério da Saúde à Coordenação Geral de Armazenagem (CGA), e seriam destinadas a primeira e a segunda doses do esquema vacinal.

A distribuição das doses para os municípios que retiram as vacinas na CGA começou a ser feita nesta segunda-feira (6/09). De acordo com a pasta, as vacinas estão sendo retiradas pelos seguintes municípios fluminenses: Rio de Janeiro, Niterói, São Gonçalo, Marica, Itaboraí e Volta Redonda. As demais cidades receberão as doses na quarta-feira (8/09), informou a SES.

Das doses que chegaram, 141.348 foram retiradas pela Secretaria municipal de Saúde (SMS) do Rio nesta segunda-feira (6/09). De acordo com a secretaria, 35.832 são para primeira dose.

No entanto, para retomar o calendário, que está na etapa de imunização de adolescentes, o município informou serem necessárias, no mínimo, 48 mil doses.

A SMS aguarda nova remessa da Pfizer, em quantidade suficiente, para vacinação desse público. A expectativa é de que as vacinas cheguem a tempo para a retomada na quinta-feira, dia 9“,disse a pasta em nota.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui