Dinamite manchou sua história

Um dos maiores crimes que o Roberto Dinamite pode ter cometido com o Vasco da Gama é ter feito o torcedor sentir saudades do Eurico Miranda. Dinamite que foi um dos maiores ídolos do Vasco como jogador mostrou que como dirigente teve seu nome jogado no chão, isso sem contar a horrorosa vontade de mudar no tapetão o recente rebaixamento.

Pois os conselheiros do Vasco, tanto da situação como da oposição mais alguns vice presidentes se juntaram para pedirem que Dinamite se licencie do cargo de presidente, é o que informa o Extra (de onde também tirei a foto). A reunião será nesta terça a noite e, caso se licencie, a presidência do Vasco vai para o vice-presidente geral, Antônio Peralta. Caso não se licencie Roberto Dinamite pode ter um processo de impeachment aberto.

Dinamite é mais um exemplo de que política e futebol não podem se misturar, ele é deputado estadual pelo PMDB. O mesmo caso foi no Flamengo com Patricia Amorim, ela era vereadora pelo mesmo PMDB e depois de uma gestão desastrosa, além de perder o comando do Flamengo, também não conseguiu se reeleger vereadora. Pelo jeito o mesmo deve acontecer com Dinamite, ou será que tem algum vascaíno que ainda votará nele para deputado?

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui