Anthony Kiedis, vocalista do Red Hot, durante o Rock in Rio 2019 - Foto: Foto: Fernando Schlaepfer/I Hate Flash

Figurinha carimbada na história do Rock in Rio, a banda norte-americana Red Hot Chili Peppers pode retornar ao festival em 2021, o que seria a 5ª participação dos californianos nas edições cariocas do evento. A informação é do jornalista Ancelmo Gois, do ”O Globo”.

Desta vez, porém, em comparação às apresentações anteriores recentes (2019, 2017 e 2011), haveria uma novidade: a volta de John Frusciante, icônico guitarrista do grupo, que retornou à banda em 2020 após 11 anos de ausência. A única vez que ele havia tocado com o RHCP no Rock in Rio ”brasileiro” foi em 2001, a primeira vez deles no palco do festival.

Em 2019, vale lembrar, para muitos fãs que foram ao Rock in Rio no dia 03/10, a apresentação do Red Hot deixou a desejar, uma vez que a banda optou por um repertório sem alguns dos seus maiores clássicos e, com isso, teve um entrosamento ”morno” com o público durante o show.

Com músicas consagradas como ”Californication”, ”Can’t Stop”, ”Otherside” e ”Scar Tissue”, o Red Hot Chili Peppers é formado atualmente por sua formação clássica: Anthony Kiedis (voz), John Frusciante (guitarra), Flea (baixo) e Chad Smith (bateria).

Festival continua agendado para setembro e outubro

Por ora, vale ressaltar, o Rock in Rio 2021 segue mantido para suas datas originalmente programadas, isto é, 24, 25, 26 e 30 de setembro e 01, 02, e 03 de outubro. No entanto, a tendência é que o festival só realmente aconteça mediante o controle da pandemia de Covid-19.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui