Sergio Mota e Danielle Barros se cumprimentam na assinatura do contrato - Foto: Divulgação

A Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Secec-RJ) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) firmaram, nesta segunda-feira (20/09), um contrato para o aprimoramento de empreendedores do setor cultural interessados em participar de chamadas públicas.

Produtores e artistas poderão participar de oficinas e palestras gratuitas, ministradas por instrutores vinculados à entidade com atividades presenciais e online. O objetivo é democratizar o acesso aos editais da própria Secec-RJ e outros órgãos públicos e empresas, qualificando os profissionais para uma melhor elaboração, execução e prestação de contas dos seus projetos.

A assinatura do termo aconteceu no Centro de Referência do Artesanato Brasileiro (Crab), na Praça Tiradentes, na região central da capital fluminense, com a presença da secretária Danielle Barros e do diretor de Desenvolvimento do Sebrae Rio, Sergio Malta.

Ao todo, os especialistas do Sebrae Rio ministrarão 640 horas de atividades no modelo híbrido (presencial e on-line), durante 16 meses, tempo de vigência do contrato. A carga horária para cada participante foi estipulada em 18 horas, para a obtenção do certificado. O programa será dividido em 4 módulos: Oficinas de Elaboração; Gestão; Prestação de Contas; e Captação de Recursos de Projetos Culturais. Além disso, haverá uma palestra introdutória.

”A assinatura deste contrato é um marco na vida dos fazedores de cultura do estado, pois é um serviço que estamos prestando e que terá um resultado imediato. O conhecimento adquirido poderá ser aplicado no edital que já está aberto e nos próximos que vamos lançar ainda este ano. É um grande ganho para o estado realizar essa ação”, disse Danielle Barros.

As palestras foram pensadas para, de forma presencial, sensibilizar o público-alvo para participar das oficinas, abordando as quatro temáticas do ciclo de maneira resumida, estimulando os fazedores de cultura a buscarem as capacitações oferecidas nas oficinas de projetos culturais. Elas serão realizadas em 10 regiões do estado do RJ.

A primeira oficina será a de Elaboração de Projetos e abordará as etapas da preparação de um plano, destacando os pontos de atenção para a construção da proposta e a sua importância como ferramenta para captação de recursos. O objetivo é difundir o conhecimento técnico capaz de fomentar o mercado cultural na criação e difusão de expressão e afirmação de identidades, assim como geração de renda e crescimento profissional.

”Essa é, de fato, a missão do Sebrae: capacitar o empreendedor brasileiro. Neste caso, vamos atender a milhares de fazedores de cultura do Estado do Rio que tinham dificuldade de acesso a editais”, comentou Sergio Malta.

Na segunda etapa, os participantes receberão ensinamentos sobre técnicas de gestão, processos e planejamento para o alcance de resultados concretos ao projeto elaborado, contribuindo para o aumento da competitividade dos negócios.

Já na fase de Prestação de Contas será apresentada a importância da organização e monitoramento de dados, planilhas e elaborações de relatórios, evidenciando a atenção necessária para comprovar as realizações propostas e o acompanhamento dos resultados alcançados no projeto. A oficina buscará a capacitação e o fornecimento de ferramentas aos empreendedores do setor de economia criativa para desenvolver habilidades de planejamento e transparência na comprovação da execução dos objetos propostos e o uso dos recursos captados em projetos.

Para capacitar os participantes para a Captação de Recursos, haverá oficina que abordará as diversas formas de financiamento e as etapas da captação, auxiliando o produtor a desenvolver propostas mais qualificadas e agregar valor aos projetos, desenvolvendo habilidades de negociação e comunicação de acordo com os conceitos de mercado.

Vale ressaltar que o calendário com a abertura das inscrições e as datas das palestras e oficinas ainda será divulgado pela Secec-RJ, através do site oficial e redes sociais. Já dúvidas podem ser tiradas pelo e-mail escoladaculturarj@cultura.rj.gov.br.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui