Secretaria Estadual de esporte e lazer anuncia construção novos núcleos socioesportivos

O Estado do Rio de Janeiro ganhará 1.500 núcleos socioesportivos, sendo 500 com edital previsto para lançamento já no próximo mês de dezembro

Foto: Governo do Estado

O Estado do Rio de Janeiro ganhará 1.500 núcleos socioesportivos, sendo 500 com edital previsto para lançamento já no próximo mês de dezembro. O anúncio foi feito na última segunda-feira (22/11), pelo secretário de Estado de Esporte, Lazer e Juventude, Gutemberg Fonseca, no evento Unidos pelo Esporte, que reuniu mais de 60 secretários municipais no auditório do Estádio do Maracanã.

“O nosso grande desafio é dar acessibilidade ao esporte. A gente começa agora com o primeiro módulo, que contempla 500 núcleos, e chegaremos ao total de 1.500, em todas as regiões do estado. Nosso objetivo é formar cidadãos e descobrir talentos e futuros campeões. Além disso, estamos tratando da regulamentação do programa Bolsa Atleta, para poder dar apoio a atletas e paratletas, da base ao alto rendimento”, disse Gutemberg.

O evento tratou ainda de outras pautas importantes, como a metodologia de trabalho da equipe técnica, a Lei de Incentivo ao Esporte e a Caravana que a Secretaria de Esporte fará nos municípios.

“Os municípios precisam desse apoio irrestrito da Secretaria Estadual de Esporte. No meu município, em Guapimirim, estamos reiniciando com os núcleos esportivos de futebol, hidroginástica, natação, ginástica na praça, entre outros, com a certeza de que dias melhores virão para a população”, explicou o secretário de Esporte de Guapimirim, Leonan Cardoso.

Aline Storchi, coordenadora de projetos incentivados da Secretaria de Estado de Esporte, falou sobre a importância do alinhamento entre as esferas estadual e municipal para que os projetos possam ser pensados e executados de forma conjunta, respeitando a vocação natural de cada cidade.

“Vocês, gestores municipais, precisam vir até nós para que possamos ajudá-los a viabilizar os projetos incentivados de acordo com as necessidades de cada cidade. Nossa equipe está à disposição para dar total apoio técnico na criação e aprovação dos projetos” salientou Aline Storchi.

Outro assunto que também esteve em pauta foi a ampliação do número de cidades e escolas participantes dos Jogos Estudantis e dos Jogos Escolares, com uma seletiva ampla, para que seja possível dar oportunidades a mais estudantes-atletas e ter o Rio de Janeiro bem representado.

“A aproximação com os municípios é uma iniciativa muito importante para o Estado, pois eles estavam precisando de uma injeção de motivação após esse período de pandemia. É o surgimento de uma nova era do esporte no estado, com investimentos desde a criança na escola até os profissionais”, falou Eduardo Augusto Domingues, presidente da Federação de Esportes Estudantis do Estado do Rio.

Costa do mar, do Rio, Carioca, da Zona Sul à Oeste, litorânea e pisciana. Como peixe nos meandros da cidade, circulante, aspirante à justiça - advogada, engajada, jornalista aspirante. Do tantã das avenidas, dos blocos de carnaval à força de transformação da política acreditando na informação como salvaguarda de um novo tempo: sonhadora ansiosa por fazer-valer!
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui