É, a situação do nosso governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) está perto de piorar ainda mais, de acordo com Lauro Jardim/O Globo, Hudson Braga, ex-secretário de Obras de Sérgio Cabral (cargo que Pezão também ocupou), está perto de fazer uma delação em que promete detalhar aos procuradores o pagamento de propinas ao governador.

Também vai falar da negociação para a instalação de uma fábrica da Vigor (grupo JBS) em Barra do Piraí, cidade natal de Pezão.

Se o Brasil fosse um país sério, e o Rio de Janeiro um estado consciente, Pezão já teria sofrido o impeachment. E se não tivesse foro privilegiado, certamente já teria renunciado.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui