Sem Passe Livre, UFRJ cria auxílio-transporte

Cinco mil estudantes de graduação serão beneficiados com a iniciativa da Universidade. O auxílio é de R$ 300 e durará quatro meses

Foto: Raphael Pizzino (Coordcom/UFRJ)

Com o passe Livre Universitário suspenso na cidade do Rio de Janeiro, a UFRJ lançou, na quarta-feira (24/11), o auxílio-transporte emergencial temporário. As inscrições estão abertas até 1/12 pelo site.

Cinco mil estudantes de graduação serão beneficiados com a iniciativa da Universidade. O auxílio é de R$ 300 e durará quatro meses. Seu objetivo é o custeio parcial das despesas de deslocamento entre a residência dos alunos e o campus da UFRJ onde a atividade acadêmica presencial é realizada. Caso a Prefeitura do Rio reative o Passe Livre Universitário antes dos quatro meses, o auxílio da Universidade será suspenso.

Podem concorrer ao auxílio os alunos com renda bruta familiar per capita de até um salário-mínimo e meio. É preciso, ainda, ter matrícula ativa em curso de graduação presencial, não ter concluído os créditos necessários à finalização do curso, realizar atividade acadêmica presencial e não possuir outro auxílio-transporte oferecido pela UFRJ.

O critério de classificação será a renda bruta familiar per capita do estudante, com prioridade para quem tiver menor renda. Em caso de empate entre dois ou mais alunos, o desempate será feito para quem apresentar maior Coeficiente de Rendimento Acumulado (CRA).

O resultado será divulgado no dia 6/12. Os aprovados precisam cadastrar a conta-corrente no Sistema Integrado de Gestão Acadêmica (Siga) até esse período. Os recursos são aceitos entre 6 e 9/12 e o resultado dos recursos até 3/1/2022.

1 COMENTÁRIO

  1. Com gastos em custeio, depois reclamam que os prédios caem aos pedaços e os museus pegam fogo. Autonomia universitária é pra isso: pra tomar decisões e depois se responsabilizar por elas.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui