Foto: Divulgação.

Os dados do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) apontam um saldo positivo de 15.530 novos postos em fevereiro. Dos cinco setores de atividade econômica analisados, todos apresentaram saldo positivo, com destaque especial para o setor de serviços, com 8.562 novas vagas.

A indústria com 2.593, o comércio com 2.333, e a construção com 1.930, também apontam uma trajetória de alta na retomada dos empregos. O setor da agropecuária foi o que menos cresceu, com 112 novas vagas, mas ainda assim apresentou uma estabilidade positiva.

Os números demonstram um crescimento de vagas no estado. Houve um aumento notável em relação ao semestre anterior, impulsionados principalmente pelos setores do comércio e de serviços”, afirma o Subsecretário de Trabalho e Renda do Rio de Janeiro, Julio Saraiva.

Ainda segundo Saraiva, as novas vagas no setor da indústria se mostraram uma surpresa positiva. O comércio apresentou um crescimento ainda tímido em relação aos últimos meses com saldo positivo, em boa parte pela restrições sanitárias impostas para combater o coronavírus.

“Mesmo com a parada emergencial, nós estamos entrando em contato com os diversos setores para facilitar essa abertura de postos de trabalho. Estamos otimistas com as perspectivas do mercado atacadista e com as áreas comercial e operacional da indústria”, afirma Saraiva.

Mais de 50% das novas vagas em fevereiro foram preenchidas por jovens de 18 a 24 anos. Enquanto no recorte por grau de instrução, quase 70% dos postos foram para pessoas que possuem o ensino médio completo.

No acumulado dos últimos seis meses (de setembro de 2020 até fevereiro de 2021), o Rio de Janeiro apresentou saldo de 76.362 postos formais. Já nos seis meses anteriores (de março de 2020 a agosto de 2020) houve um saldo negativo de 185.113. O último semestre apresentou um crescimento de 141,3% no saldo de empregos em relação ao semestre anterior.

Casa do Trabalhador

Em 2021, o Governo do Estado já inaugurou três novas Casas do Trabalhador, as unidades aumentam as ofertas de vagas de emprego e facilitam a intermediação da mão-de-obra. Em janeiro, foram inauguradas as unidades de Nova Friburgo e Petrópolis, enquanto a unidade de Seropédica foi aberta no começo de março.

carioca, estudante de Letras na UFRJ. Nascida numa segunda-feira de carnaval, se apaixonou muito cedo pela arte das Escolas de Samba. Moradora da Taquara, é Zona Oeste desde os onze anos; não dispensa um passeio pelo Centro, uma ida ao Parque de Madureira, uma volta pela Cidade das Artes ou qualquer outro evento que consiga ir. Gosta de teatro e música, às vezes se arrisca nessas áreas. Também é pseudônimo de Bárbara de Carvalho.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui