Shana Tova por Ari Hahn O Diário do Rio deseja a todos os leitores judeus, ou não, um Shana Tova Umetukah para o Rosh Shaná (inicio do ano judaico) que começa no pôr do sol de hoje e vai até o anoitecer do dia 10 de setembro. O Rio de Janeiro possui a 2a maior comunidade judaica do Brasil, com quase 35 mil e 20 sinagogas em todo o estado.

Os judeus entram no ano de 5771, de acordo com a tradição, o mundo foi criado em Tishrei (mês judaico), ou mais exatamente, Adam (Adão) e Chava (Eva) e a humanidade foram criados no primeiro dia de Tishrei, que foi o sexto dia da Criação, e é a partir deste mês que o ciclo anual se inicia. Por isso, Rosh Hashaná é celebrado nesta época. E por isso é também conhecido como o Aniversário do Mundo.

 

A celebração começa com o toque do shofar (instrumento de sopro e lembra o carneiro sacrificado por Avraham (Abrão) no lugar de Yitschac (Isaac)). É costume se comer certos alimentos representativos durante o Rosh Hashaná como maçãs com mel e açúcar para representar um ano doce. Durante a tarde do primeiro dia se realiza o tashlikh, um costume de recitar-se certas preces e jogar pedras ou pedaços de pão na água como um símbolo da eliminação dos pecados.

 

Foto: Shana Tova por Ari Hahn

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui