Vans proibidas na Zona Sul do Rio de JaneiroAcho que todos já sabem quem Eduardo Paes (PMDB) proibiu a circulação de vans, ou melhor, as lotadas na Zona Sul do Rio de Janeiro. Apesar da medida ter sido feita sem nenhum cuidado com os usuários do serviço, já que foi feita em menos de uma semana, gerando uma série de problemas. Vou ao contrário do senso comum do Diário do Rio e elogiar a medida.

Desde 2007, quando comecei o blog, declaro minha antipatia pelo “transporte alternativo”. Os motoristas de vans normalmente não são treinados, são irresponsáveis, excesivamente multados e, ainda tem aqueles que são controladas por milicianos. E, como cada passageiro é mais lucro para o motorista, o transporte se tornou desconfortável ao ponto de algumas vezes irem pessoas em pé no veículo, não sei quem se sujeita a isto, atraso nenhum no trabalho é razão para arriscar a vida.

Creio que esse é o primeiro passo de Eduardo Paes para acabar com as vans na cidade do Rio, foram 13 bairros da Zona Sul (Botafogo, Humaitá, Urca, Leme, Copacabana, Ipanema, Leblon, Lagoa, Jardim Botânico, Gávea, Vidigal, São Conrado e Rocinha) mas certamente veremos decreto similar para Barra da Tijuca, Recreio, Tijuca e Centro em breve e por aí vai.

O transporte alternativo deveria se limitar às áreas que não bem atendidas por ônibus, fazendo a ligação até eles, como em muitos bairros da Zona Oeste. Mas ver estas lotadas pela orla, onde não falta ônibus, ou mesmo aqui em Jacarepaguá, onde moro, é um absurdo.

O trânsito esta segunda realmente está ruim, os bloqueios foram uma ideia completamente estúpida. Mas as vans ajudam a piorar também com seu costume de fazer ponto em qualquer local que façam sinal.

Agora, também seria bom, ver a Prefeitura do Rio fiscalizando os ônibus e seus motoristas. Ajudaria bastante mas nisso já não creio tanto.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui