Daniel Soranz, secretário municipal de Saúde do Rio - Foto: Reprodução

Presente na manhã deste sábado (14/08) no CMS Hamilton Land, na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio de Janeiro, para acompanhar a vacinação de pessoas com 23 anos, o secretário de Saúde da capital fluminense, Daniel Soranz, celebrou o recebimento de uma nova remessa de doses contra a Covid-19 por parte do município, o que permitirá que o calendário de imunização possa ganhar prosseguimento.

”O Rio amanheceu com os postos de saúde bem cheios. A população de 23 anos estava muito ansiosa para tomar a vacina. Eles tiveram essa vacinação adiada por 3 dias. Espero que esse grupo continue com essa adesão incrível que os cariocas estão tendo com a vacina contra o Coronavírus”, disse Soranz, antes de complementar exaltando o compromisso dos jovens com a vacinação nas datas corretas.

”Cada faixa etária que a gente passa, a gente vê que a grande maioria da população vem se vacinar e, inclusive, na data correta, não deixando para vacinar na repescagem. Isso faz muita diferença para a organização da campanha no Rio”, ressaltou.

A expectativa da Secretaria Municipal de Saúde do Rio é vacinar cerca de 100 mil pessoas neste sábado. Desse total, 30 mil correspondem a 2ª dose. Já na próxima semana, mais precisamente entre segunda (16/08) e sexta-feira (20/08), serão imunizadas na cidade pessoas entre 22 e 18 anos.

”A gente espera muito poder imunizar todas as pessoas com mais de 18 anos na próxima semana, um calendário intenso, com uma previsão de vacinar mais de 80 mil pessoas para cada dia, mas é um calendário muito importante para que a gente acelere a vacinação e proteja as pessoas o quanto antes dessa nova variante, a Delta, que tem uma capacidade de transmitir muito maior que as demais”, destacou Soranz, que vem sendo considerado um dos mais eficientes secretários de saúde do país, no combate à COVID-19.

Vale lembrar que, de acordo com um documento interno emitido pela Secretaria Estadual de Saúde nos últimos dias, o município do Rio é, atualmente, o ”epicentro” da variante Delta no país.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui