Adenilde da Silva deixa delegacia de Copacabana após prestar depoimento, em fevereiro — Foto: Reprodução/TV Globo

Um técnica de enfermagem suspeita de aplicar “vacina de vento” em um posto em Copacabana, Zona Sul do Rio foi indiciada pela Polícia Civil nesta sexta-feira (12/03). De acordo com a investigação, em 27 de janeiro, a técnica de enfermagem Adenilde Lourenço da Silva aplicou uma falsa dose numa idosa de 85 anos para poder desviar o imunizante.

Ao final, foi possível comprovar o efetivo desvio da dose“, explicou a delegada Bianca Lima.

A profissional de saúde responderá por peculato e de infração de medida sanitária. A Polícia Civil pediu o afastamento da auxiliar de enfermagem.

O caso foi no Centro Municipal de Saúde João Barros Barreto. Em depoimento, Adenilde da Silva disse ter errado ao não aplicar a vacina contra a Covid-19 na idosa.

Segundo a técnica de enfermagem, o líquido da vacina foi colocado na seringa por uma residente – que negou. Ela afirmou ter percebido que havia algo errado, mas não comunicou o ocorrido à enfermeira-chefe.

A filha da paciente gravou a aplicação e, ao rever o registro, percebeu que a seringa estava vazia ou com uma quantidade mínima do imunizante.

2 COMENTÁRIOS

  1. Tinha que ser presa, nada de medidas sócio educativas ! Tem que perder a licença de trabalho na saúde, imediatamente. Sem recurso ! Não merece exercer a profissão que deve pautar pelo respeito , confiança e competência.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui