Amarelinho da Cinelândia, um dos bares mais famosos do Rio

Um dos grandes redutos da história da boemia carioca, o tradicional bar e restaurante Amarelinho da Cinelândia, localizado na região central do Rio de Janeiro, foi comprado pelo empresário Antônio Rodrigues, dono da também rede gastronômica Belmonte. A informação é do ”Blog do Ancelmo Gois”, do jornal ”O Globo”.

De acordo com a reportagem, o estabelecimento será totalmente reformado, mas mantendo a mesma ”cara” e o mesmo nome. A reabertura deve acontecer em setembro.

”O Amarelinho faz parte da história do Brasil. Os protestos pelo impeachment do Collor começaram ali. Muitas encrencas do PDT com o PT foram ali no bar. Brizola recebia seus correligionários numa mesa do Amarelinho, e o ponto passou a ser chamado de ‘Brizolândia’. O lugar sempre foi frequentado por presidentes e senadores. Acredito no Rio. Sem coragem, a gente não faz nada”, disse Antônio – que é cearense e chegou ao Rio em 1984, aos 16 anos – ao ”Globo”.

”Quero fazer uma inauguração bonita, chamando todos os políticos de esquerda que ainda estejam vivos”, complementou o empresário.

Cada vez mais, o Shopping Paço do Ouvidor se fortalece como ponto de encontro no Centro do Rio. Passa no Paço.

Amarelinho

Fundado em 1921, o centenário Amarelinho encontra-se fechado devido à crise econômica ocasionada pela pandemia de Covid-19. Em agosto de 2015, vale ressaltar, o DIÁRIO DO RIOcontou a história da ilustre casa.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui