Treta de Freixo e Molon e de Pedro Paulo e Pedro Duarte – Bastidores do Rio

Treta de Molon com Freixo é antiga; app Valeu fazia menos de 14 entregas por dia; comandante da PM no Instagram; e Queiroz chega a 100 mil castrações

Quintino Gomes Freire| Foto: Rafa Pereira - Diário do Rio

Briga Antiga
A treta de Marcelo Freixo com Alessandro Molon é antiga. No 2º turno de 2016, Molon, derrotado nas urnas, ofereceu seu apoio a Freixo, e foi recusado. Marcelo, então no PSol, considerava o político que estava na Rede muito burguês.

Cambalhotas
Mas como esse mundo dá cambalhotas, Freixo critica a todos por não o apoiarem. E quer que Molon desista, apesar de ter mais potencial de vitória que ele.

Valeu pouco
Em 90 dias de funcionamento, o Valeu, app de entregas da Prefeitura do Rio, fez 1241 entregas.

Valeu muito pouco
São 13,5 entregas por dia. É menos, muito menos, que uma pizzaria de bairro faz.

Valeu na Índia
Inclusive o código do app guarda grandes semelhanças com um aplicativo indiano vendido a menos de US$ 100 pela Internet.

Barrado
Como se sabe, o app que não cobrava nada do entregador ou do restaurante, foi suspenso no Judiciário a pedido do vereador Pedro Duarte

Tretando nas redes
Quem resolveu tomar as dores de Pedro Paulo foram funcionários das subprefeituras de Jacarepaguá e Zona Norte. A galera chegou ao perfil do atual rival do ex-secretário de Fazenda para votar a favor de tamanhos de placa em uma enquete aberta no início da semana. Até o subprefeito da ZN, Diego Vaz, defendeu a cria do parceiro político.

Ainda assim
Apesar disso tudo, ainda acho o Valeu uma excelente iniciativa… a taxa dos app é exorbitante com os restaurantes e o Poder Público precisa agir nestes casos.

PM Influencer
A subprefeita de Jacarepaguá, Talita Galhardo, é noiva do Comandante da PM, Coronel Luiz Henrique, avesso aos holofotes. Mas ela, que é uma verdadeira expert em social media, fez com que ele abrisse uma conta no Instagram. É o amor em tempos de selfie.

Bom trabalho
O comandante tem feito um excelente trabalho na PM, mas como não é político, acabou não aprendendo a máxima que, ao se botar um ovo, tem de cacarejar. Talita vai ajudando.

Pelos animais
O lorde do PP, Marcelo Queiroz, recebe o Influencer pet e deputado estadual em São Paulo, Delegado Bruno Lima, criador do Movimento Cadeia Para Maus Tratos para um evento no Monte Líbano na manhã desta sexta, 8/7.

100 Mil
Marcelo que foi secretário de proteção animal está animado, está quase atingindo sua meta de 100 mil animais castrados gratuitamente no Rio de Janeiro. Tinha quem achasse impossível e caro, mas o governador Claudio Castro bancou a ideia. O custo foi muito abaixo do esperado.

Fica Fred
60 mil máscaras do jogador Fred do Fluminense para sua despedida no jogo contra Ceará. Deste jeito o jogar acaba ficando.

Advertisement

2 COMENTÁRIOS

  1. Francamente, a implicância do Quintino com o Freixo já chega a ser folclórica. Não gostar do candidato tudo bem, mas não precisa inventar. Quando que o Freixo rejeitou apoio do Molon em 2016? Isso nunca existiu!! O Quintino ou ta cego pelo anti-Freixismo ou usou alguma droga pra falar uma besteira dessas. Eu lembro porque inclusive eu estava na REDE na época e critiquei pra caralho um vídeo que Freixo, Molon e Jandira fizeram no primeiro turno se comprometendo a apoiar um ao outro em caso de apenas um deles ir pro segundo turno. Na minha visão aquilo só beneficiava o Freixo, que já estava na frente mesmo entre os candidatos da esquerda.

    O Quintino deve estar falando de alguma realidade alternativa que só existe na cabeça dele, fala sério!

  2. Molon tem vida inatacável e na política com suas posições coerentes, ainda que se movimente entre partidos, por interesse pessoal.

    Há um equívoco na matéria no tópico Cambalhotas.
    Como redigido está dando a entender que Molon e Freixo disputam a mesma vaga.
    Mas, na verdade, Molon disputa a vaga de Senador e Freixo a de Governador.

    Freixo quer que Molon abra mão da disputa pelo Senado para que o favorecido seja o Ceciliano.

    Até o momento Molon aparece nas pesquisas disputando essa vaga com Romário (deus me livre que continue Senador).

    Qualquer um dos dois (Molon ou Ceciliano) é preferível em relação ao Romário. Mas para o Estado do RJ e considerando as atribuições de um Senador, sem dúvida, Ceciliano seria muito melhor na função.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui